Rhodolfo quer “dar a vida” para reconquistar o torcedor do São Paulo

A perda do Campeonato Paulista, da Copa do Brasil e a distância de seis pontos em relação ao G-4 do Campeonato Brasileiro incomoda a torcida do São Paulo, que já possui uma parcela habituada a comparecer ao Morumbi para protestar contra o momento vivido pelo clube. Como alívio, o zagueiro Rhodolfo, que já foi até capitão do Tricolor na temporada, garantiu que os jogadores ‘darão a vida’ para reconquistar os críticos.

A esperança do torcedor recai tanto no Brasileirão, em que ocupa a sexta colocação, quanto na Sul-americana, competição em que o São Paulo superou o Bahia por 4 a 0 no placar agregado e espera até o final de setembro para conhecer seu adversário nas oitavas de final do torneio continental – o equatoriano Liga de Loja e o uruguaio Nacional começam a se enfrentar na próxima semana.

“Quase todos os torcedores disseram que vencer o Corinthians era obrigação, mas isso é normal. Não estamos vindo bem nas competições, mas queremos uma vitória e vamos entrar em campo para vencer no Pacaembu. Não adianta só falar, tem que botar em campo e dar a vida”, comentou o zagueiro do Tricolor, antes de completar: “Vai ser difícil para nós e para eles também, tenho certeza que vai ser um bom jogo”.

Ao contrário de alguns companheiros que consideram prejudicial a pressão da torcida no estádio, o defensor acredita que a confiança dos próprios jogadores pode fazer a diferença a favor do Tricolor: “O São Paulo do tamanho que é e sem títulos é normal que peguem no pé, mas quem pode dar a volta por cima somos nós dentro de campo. Não viemos de um ano muito bom, mas é um jogo para pegar confiança”.

O clássico diante do Timão será neste domingo, às 16 horas (de Brasília), no estádio do Pacaembu. A partida encerra o primeiro turno do Campeonato Brasileiro, uma das duas competições em que o São Paulo mantém o objetivo de faturar – pelo menos – uma vaga na Copa Libertadores de 2013.

Fonte: Gazeta  Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*