Reinaldo diz que Everton ajuda muito e conta com Morumbi cheio

O São Paulo não perde do Palmeiras no Morumbi desde março de 2002. Portanto, há 16 anos. São 24 jogos, com 15 vitórias e nove empates. Mas esse retrospecto ajuda para o clássico deste sábado, às 18h, no mesmo Morumbi? Veja a opinião de Reinaldo.

– Ajuda, porque vamos ter o apoio da nossa torcida (mais de 41 mil ingressos foram vendidos até a última quarta-feira) nesse clássico contra o Palmeiras. É tentar fazer uma excelente partida e sair com a vitória. Espero que continue mais esse ano e a gente possa deixar esse tabu por muito tempo – disse Reinaldo.

Um ponto separa os rivais: o líder Palmeiras tem 53 pontos, e o terceiro colocado Tricolor tem 52. No Morumbi, o técnico Diego Aguirre tem 100% de aproveitamento nos clássicos. Além disso, o Tricolor está invicto em casa no Brasileirão, com nove vitórias e quatro empates em 13 partidas.

Esses números amenizam o momento de instabilidade do Tricolor. Com uma vitória nos último seis jogos, o São Paulo perdeu a liderança, mas terá a volta de Everton no Choque-Rei.

O meia-atacante está recuperado de uma fibrose na coxa esquerda (ele atuou durante um tempo, contra o Santos, nas últimas seis partidas). Everton treinou com bola normalmente nos dois últimos dias. Diego Aguirre, inclusive, disse contar com ele.

– O Everton tem que voltar e jogar. Estamos precisando dele. É um jogador que nos ajuda muito. Tenho certeza que vai voltar no clássico e nos ajudar para sairmos com esse resultado positivo – disse Reinaldo.

Apesar de o São Paulo ter perdido a liderança, Reinaldo lembra que o time segue dependendo das próprias forças para buscar o título. Afinal, o Tricolor tem agora dois confrontos diretos com o líder Palmeiras e o vice-líder Internacional (no dia 14 de outubro, no Beira-Rio):

– É um jogo importante agora contra o Palmeiras. Vamos pensar nesse jogo. Vai ser uma final, um clássico. Tem muitos times em crescimento no campeonato. O Palmeiras e o Inter passaram, mas estamos na briga. Temos dois confrontos diretos. Um agora com o Palmeiras e outro com o Inter.

– Então, só depende da gente fazer a nossa parte para assumir a liderança de novo. Vamos nos concentrar. É um jogo muito importante e difícil. Em casa, tenho certeza que a nossa torcida vai lotar o Morumbi e vamos conseguir o nosso resultado positivo para voltar ao topo da tabela.

Fonte: Globo Esporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*