Pratto desabafa após derrota e Nem lamenta “muito gol bobo”

O Corinthians não poupou o São Paulo, aproveitou os erros do rival e venceu o Majestoso deste domingo, por 3 a 2, no estádio de Itaquera, pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro. Na saída de campo, o centroavante Lucas Pratto desabafou e pediu melhora imediata no Tricolor.

“Tomamos os dois primeiros gols por erros nossos. Aí você joga de visitante contra o líder e toma dois gols por erros próprios…Somos um ataque muito bom, mas não podemos errar”, esbravejou, em entrevista à TV Globo.

Diante do líder do campeonato, o São Paulo entrou em campo com uma formação mais cautelosa: três zagueiros, dois volantes e apenas dois atacantes. A despeito da proteção defensiva, o time falhou em momentos importantes, que seriam decisivos para o placar final do clássico.

O Corinthians abriu o placar logos aos seis minutos de jogo, quando Marquinhos Gabriel encontrou Romero livre na área para marcar o gol. “Foi uma desatenção. A equipe estava jogando com três zagueiros, não pode tomar uma bola nas costas dos defensores, foi um momento de distração. Esse tipo de jogo qualquer desatenção pode nos custar caro e foi o que aconteceu”, avaliou Douglas, surpresa na escalação tricolor.

Após empatar com Gilberto e equilibrar a partida, o Tricolor voltou a vacilar no fim do primeiro tempo: após erro de passe de Maicon no meio-campo, Jô avançou e cruzou rasteiro, Lucão furou e viu Gabriel recolocar o time da casa na frente.

Com o revés, o time do Morumbi caiu para o oitavo lugar, com nove pontos ganhos, todos conquistados no Morumbi. Longe de casa acabou derrotado por Cruzeiro e Ponte Preta (1 a 0), além do Corinthians. “Todos jogos que perdemos fora foi por erros próprios. Para brigar pela primeira posição tem que melhorar”, atestou Pratto.

Autor do segundo gol do time treinado por Rogério Ceni, Wellington Nem pediu mais atenção nos próximos compromissos do São Paulo. “Muito gol bobo. Temos de repensar, ver o jogo de novo para no próximo não cometer os mesmos erros. Fizemos o gol, quase fizemos outro, depois numa bobeira nossa tomamos o segundo. Vamos consertar os erros para o restante do campeonato. Demos muito espaço, em clássico você não pode cometer erros”, analisou.

Com o desgosto da derrota para o seu arquirrival, o São Paulo buscará reabilitar-se no Campeonato Brasileiro na próxima quarta-feira, às 19h30 (de Brasília), quando enfrentará o Sport, na Ilha do Retiro.

Fonte: Gazeta Esportiva

4 comentários em “Pratto desabafa após derrota e Nem lamenta “muito gol bobo”

  1. Rogério….!!! Escala o Militão na zaga com o Lugano. Dispensa o Douglas e o Lucão, e coloca o Maicon no banco! Ah.. chama o Lucal Kall de volta!

  2. Pratto tem que ficar chateado mesmo e com toda razão. Depois de ver a zaga tosca com Maicon, Douglas e Lucão não entende porque o “velho” Lugano ainda continua no banco.

    E ainda acham que o uruguaio não tem condições de fazer melhor vendo as merdas feitas por aqueles três patetas.

  3. É Pratto tenho dó de vc que se mata em todos os lugares do campo e o time num todo parece um lixo, cheio de erros e seu Rogerio Ceni se acha a bolacha mais recheada do pacote, tinha tudo para vc ir em um time melhor, mais organizado, e nao amador como o sao paulo esta hj, da administracao ate o futebol.

  4. Vai tomar pau contra o Sport, podem contar com isso.

    Time escroto, diretoria de FDPs, departamento de preparação física de time amador e estagiário de técnico, esse eh o retrato de um time que já foi respeitado e colocava medo nos rivais.

    Atualmente somos o saco se pancadas e chacotas deles.

    Maldito Juvenal Juvêncio e sua turma de safados que ainda estão no poder, são incompetentes e safados, espero que todos queimem no inferno junto com o maldito cachaceiro,seus FDPs!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*