Por vaga de titular, Osvaldo confia na ‘lista de recuperação’ de Muricy

O técnico Muricy Ramalho tem tido conversas constantes com o atacante Osvaldo. O treinador quer descobrir os motivos da queda de produção do jogador e dá conselhos e confiança para que o camisa 17 recupere o seu bom rendimento.

No sábado, o atleta completou sete meses sem balançar as redes. Para este domingo, Muricy ainda não definiu o parceiro de Luis Fabiano e, após a conversa da última sexta-feira, o atacante se mostra confiante para o duelo diante do Grêmio. Se a fase sem gols atormenta Osvaldo, o treinador sabe os métodos para acabar com a seca.

Na sua passagem anterior pelo São Paulo, alguns atacantes ficaram um longo período sem marcar. Aloísio, por exemplo, ficou do dia 28 de janeiro até 25 de abril sem ir às redes. O gol diante do Audax Italiano (CHI), no empate de 2 a 2 pela Libertadores de 2007, encerrou o jejum. E o procedimento encontrado por Muricy foi manter o atleta atuando, principalmente entre os titulares.

Na equipe do Santos, o comandante também conviveu com a seca de outros atacantes. Zé Love, em 2012, e André, em 2013, ficaram 13 partidas sem ir às redes. Alternando a reserva com a titularidade, os jogadores conseguiram recuperar o bom desempenho para marcar.

O período sem fazer gols de Osvaldo é o maior de todos, fato que requer mais atenção do treinador. Membros da comissão técnica aconselham o jogador a manter a tranquilidade e tentar fazer o simples em campo e ser participativo.

Com Muricy, Osvaldo fez quatro jogos, sendo um como titular. A meta, no início do ano, era a de 20 gols, mas até agora tem apenas cinco. Hoje, caso seja escalado, tem a confiança para acabar com o jejum.

Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.