Por G-4, Tricolor quer duas vitórias em casa contra times ameaçados

A um ponto do grupo de classificação para a Copa Libertadores depois de ter derrotado o concorrente direto Vasco, o São Paulo agora tem dois compromissos no Morumbi diante de equipes que lutam para não cair para a segunda divisão.

O primeiro será o Figueirense, no domingo. Aequipe catarinense ocupa a penúltima posição, com 25 pontos, sete a menos do que o Coritiba, primeiro fora da zona de rebaixamento. Quatro dias depois, o adversário será o Atlético-GO, lanterna com 20 pontos.

“Espero que a gente possa jogar no mesmo nível que jogamos contra Vasco, Palmeiras (vitória por 3 a 0)… Até no jogo contra o Coritiba (empate por 1 a 1). É que aquela semana foi difícil porque vínhamos de viagem do Equador”, disse o técnico Ney Franco.

Rubens Chiri/www.saopaulofc.net

No Rio, jogadores levaram São Paulo à quinta partida consecutiva sem derrota no Campeonato Brasileiro

A conta de seis pontos nas duas próximas partidas pode ser suficiente para, enfim, o São Paulo se fixar no G-4. Até porque a sequência do Vasco, atual quarto colocado, parece mais complicada. O time carioca encara Santos e Botafogo, ambos fora de casa.

 

Passadas 29 rodadas, o Tricolor esteve apenas uma vez na faixa que dá vaga para a Libertadores. E foi de forma momentânea, ao final da oitava rodada, com um jogo a mais do que o Botafogo, o qual mais tarde venceu seu compromisso e o derrubou para quinto.

O único desfalque de Ney Franco para o confronto de domingo, contra o Figueirense, será Lucas. O meia-atacante está a serviço da Seleção Brasileira, motivo pelo qual já não pôde atuar na quarta-feira, na vitória por 2 a 0 sobre o Vasco.

Fonte: Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*