‘Mais leve’, Tricolor retorna a SP e Ceni ouve pedidos para renovar

O confronto direto diante do Vasco, considerado de ‘importância fundamental’ para o futuro do São Paulo no Campeonato Brasileiro, foi vencido por 2 a 0, em pleno São Januário, com gols marcados por Luis Fabiano e Osvaldo. Além dos dois atacantes, um dos principais nomes da equipe na partida foi Rogério Ceni, amplamente assediado no desembarque do elenco, nesta quinta-feira.

Depois de passar a noite em um hotel na capital carioca, o grupo de jogadores desembarcou às 13 horas (de Brasília), no Aeroporto de Congonhas, e o camisa 01 acabou recebendo alguns pedidos de torcedores para que renove o contrato, válido apenas até dezembro deste ano. “Meu Deus, eu estou encostando no ‘mito’. Você tem que ficar”, pediu uma senhora, que recebeu um sorriso como resposta.

Destaque do Tricolor ao defender chutes principalmente de Juninho Pernambucano, Rogério Ceni garante que a boa fase após o retorno de lesão – ele ficou seis meses afastado em função de uma cirurgia no ombro – não é um fator diferencial na decisão para renovar o vínculo pelo menos por mais um ano. Após a partida, o técnico Ney Franco chegou a dizer que “renovaria hoje”.

Fernando Dantas/Gazeta Press

O goleiro foi o mais assediado no desembarque do Tricolor nesta quinta-feira, no Aeroporto de Congonhas

“Essa boa fase é indiferente. Tenho quase 40 anos. Vamos sentar e pensar ainda, mas antes disso tem toda a reta final do Campeonato Brasileiro e da Copa Sul-americana, em que brigamos pra voltar à Libertadores. A vitória sobre o Vasco foi importante, deixa mais leve, mas não resolve nada ainda”, comentou Rogério no desembarque, antes de completar: “Tenho orgulho de vestir acamisa do São Paulo e não penso em outra coisa. Quando chegar a hora certa, todos vão saber”.

 

Após o desembarque, o grupo foi em direção ao CT da Barra Funda, onde participa de treino regenerativo no período da tarde. No feriado de sexta-feira, o técnico Ney Franco comanda atividade leve de preparação para o confronto do próximo domingo, às 16 horas (de Brasília), no Morumbi, contra o Figueirense.

Fonte: Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*