‘Pesada’, reunião do Conselho do São Paulo teve revolta de Juvenal

A guerra nos bastidores do São Paulo teve sequência na reunião do Conselho Deliberativo da noite da última segunda-feira. O ex-presidente Juvenal Juvêncio, que já havia rebatido críticas do atual mandatário, Carlos Miguel Aidar, em entrevista durante a tarde, voltou a atacar o antigo aliado no salão nobre do Morumbi.

Pessoas presentes no encontro contaram à reportagem do LANCE!Net que o clima no local era “pesado”. A opinião de quem não defende nem Aidar e nem Juvenal é de que os dois levaram os atritos a um patamar distante do político. Para essas pessoas, a briga já ganhou conotação pessoal e envolve o ego dos dois.

O estopim para Juvenal se revoltar teria sido um discurso de um aliado do atual presidente, que teria se inflamado no púlpito e irritado o ex-mandatário. JJ, então, passou a fazer reclamações contra Aidar. Entre elas o fato do antigo aliado vincular todo suposto erro e defeito no clube ao antecessor na presidência.

Apesar dos ataques do rival, há quem diga que Aidar saiu beneficiado da confusão, já que “cenas de baixaria” proporcionadas por Juvenal teriam chocado até mesmo conselheiros aliados a ele.

A palavra foi aberta a três representantes da situação (Julio Casares, vice-presidente de comunicação e marketing, Leonardo Serafim, diretor jurídico, e Ataíde Gil Guerreiro, vice-presidente de futebol) e três companheiros de JJ (Roberto Natel, que renunciou à vice-presidência geral, Rui Stefanelli, antido diretor adjunto de planejamento e sobrinho de Juvenal, e José Francisco Manssur, assessor especial do ex-mandatário).

As manifestações mais acaloradas logo foram contidas, mas refletem o momento de instabilidade política vivido pelo São Paulo desde meados de setembro, quando a troca de acusações entre Aidar e Juvenal teve início. Salvo encontros extraordinários, a próxima reunião do Conselho Deliberativo só deve acontecer em 2015.

Fonte: Lance

2 comentários em “‘Pesada’, reunião do Conselho do São Paulo teve revolta de Juvenal

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.