Pato sonha com Seleção e diz: ‘Não vejo ninguém melhor do que eu’

Alexandre Pato voltou a ser decisivo para o São Paulo neste domingo. Foram quatro partidas sem marcar até o atacante abrir caminho para a vitória por 2 a 1 sobre o Grêmio com golaço, no duelo válido pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro. E, respaldado pela grande atuação em Porto Alegre, o camisa 11 falou grosso sobre as chances de voltar à Seleção Brasileira ainda nesta quinta-feira, quando Dunga convocará o time para os dois primeiros jogos das Eliminatórias.

– Estou lutando, meu objetivo é voltar para a Seleção. Tem convocação na quinta-feira, eu tenho muito potencial e estou preparado para estar lá dentro. Não vejo ninguém melhor do que eu. Eu posso estar ali, ajudar, tanto de falso 9, como aberto pela direita ou pela esquerda, mas é decisão do Dunga. Eu tenho tentado contribuir o máximo para ajudar os companheiros – ressaltou.

Já são 22 gols na temporada e nove no Brasileirão, quesitos nos quais lidera com folga no elenco tricolor. Como de costume, o atacante atribuiu toda a evolução e o bom desempenho ao trabalho de Juan Carlos Osorio. Pato acredita que o colombiano tem papel fundamental para aumentar exigência por mais auxílio na marcação e até mesmo a correção de movimentos em campo.

– O Osorio me deixa à vontade, ensina alguns movimentos, me deixa tranquilo dentro de campo, a gente conversa fora de campo também, ele me dá conselhos. Esse momento bom é porque ele tem me dado muita oportunidade e confiança para ajudar os companheiros. Só acho que o final temos que melhorar, pois não dá para tomar essa pressão e esse gol no final – destacou.

Além do desejo de retribuir a ajuda de Osorio e de retornar à Seleção Brasileira após dois anos, Pato tem mais um objetivo para esta temporada. Com chances remotas de título no Brasileirão – são 12 pontos para o líder Corinthians -, o artilheiro quer assegurar uma vaga na Copa Libertadores da América. Só depois os planos para 2016 serão discutidos.

– Eu estou pensando agora em ajudar o São Paulo, não penso se vou ficar ou se não vou ficar. Quero levar o São Paulo a jogar a Libertadores novamente, levar a torcida no Morumbi. Quero trabalhar o máximo até o fim do ano, fazer gols e ajudar a equipe. Estou trabalhando forte, nunca pensei em voltar para a Europa, quero ganhar títulos aqui, contribuir, e essas coisas deixo para meu empresário – avisou.

 

Fonte: Lance

 

4 comentários em “Pato sonha com Seleção e diz: ‘Não vejo ninguém melhor do que eu’

  1. Vamos ver se no próximo jogo também vai bem. Craque não pode alternar jogos como o de ontem e de contra o Santos. Qual o Pato que jogaria na seleção: o do jogo contra o Grêmio ou o do contra o Santos?

  2. Bem menos….mais bem menos mesmo, apesar de na seleção também só ter lixo acho que você tem que ser mais constante, um jogador da sua qualidade não pode se dar o luxo de jogar só o que esta jogando. O Ricardo Oliveira já fez o dobro de gol por exemplo, apesar do Pato ter mais qualidade hoje prefiro Ricardo Oliveira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*