Pato minimiza vaias da torcida e nega ter recebido oferta de clube italiano

Depois da terceira finalização errada a gol,Alexandre Pato passou a ouvir o incômodo grito de “Luis Fabiano” das arquibancadas do Morumbi, durante o empate em 1 a 1 com o Criciúma, pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro, neste sábado. O atacante, emprestado pelo Corinthians, foi o principal alvo da ira dos torcedores, insatisfeitos com o rendimento da equipe – já são três jogos sem vitória no torneio. O Fabuloso, em recuperação de uma lesão na coxa direita, ainda não tem data para voltar.

Pato diz que procurou não se deixar abater com as vaias, tentando ficar concentrado apenas no que rolava em campo.

– Me incomodou quando errei. A torcida tem direito de gritar o que quer. Tenho de fazer o máximo pelo time. Nos próximos jogos vou tentar fazer o gol de novo. Sou jogador, aceito todas as cobranças, até mesmo da torcida. Mas a cobrança que vou escutar é do treinador e do time – disse Pato.

O jogador teria sido sondado pelo Internazionale de Milão durante a semana. O clube italiano estaria disposto a pagar 10 milhões de euros ao Corinthians para levá-lo de volta para a Europa. Pato negou ter recebido qualquer sondagem.

– Sobre mercado, felizmente eu não sei disso, tenho só de fazer o meu trabalho em campo e deixar Corinthians e São Paulo cuidar disso – disse o atacante.

 

Fonte: Globo Esporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*