“Nunca mais vou jogar 100%”, diz Rogério Ceni após vitória do São Paulo

Em meio às diversas perguntas após a elástica vitória por 5 a 1 em cima do Vasco, Rogério Ceni nem falou da falha que fez o time carioca fazer o gol. Mesmo assim, o goleiro do São Paulo deu uma declaração que marca a sua temporada.

“Olha, 100% nunca mais eu vou jogar, filha (repórter). Mas, hoje (quarta-feira), eu estou bem melhor do que eu estava quando joguei os jogos decisivos da Libertadores, quando estive sempre com tornozelo inchado. Hoje estou muito superior do que eu estava”, disse ele.

Por causa de uma pancada sofrida no dia 31 de março, na primeira fase do Paulista, diante do Corinthians, Rogério Ceni precisou ficar quase todo o período até o fim deste mês sem treinar. No sacrifício, o camisa 01 atuou para não deixar o posto nas horas em que a equipe decidiria seu futuro na Libertadores.

Sessenta dias depois, o capitão diz sentir os efeitos por ter ficado tanto tempo parado. “Hoje, eu saio com dores na perna, porque parei 11 dias, mas estou em treinamento, muito melhor do que estive este ano”, completou.

Na próxima quinta-feira, Ceni deve fazer trabalho de recuperação no Reffis. A expectativa é que, daqui para frente, ele consiga atuar normalmente diante do Atlético-MG, adversário de domingo, pela 3ª rodada do Brasileirão.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*