Notas dos jogadores

Denis: apenas assistiu a partida. 6

Buffarini: rendeu mais pelo seu setor. 6

Maicon: sem trabalho com um ataque inexistente. 6

Rodrigo Caio: melhor na zaga. 6

Junior Tavares: cumpriu bem seu papel. 6,5

João Schmidt: foi bem. 6,5

Thiago Mendes: dispersivo em alguns momentos, mas teve boa movimentação em campo. 7

Cícero: ainda não se achou no time, mas, por mais que eu seja antagônico, dá equilíbrio ao meio. 6,5

Cueva: é o destaque, bom boa visão de jogo. 7,5

Neilton: vai perder gol lá longe. 3

Gilberto: marcou o gol da vitória e depois perdeu alguns. 7

Chavez: entrou, mas não mostrou nada de mais. 5

Araruna: temos que observar mais. 5

Shaylon: jogou pouco tempo. Sem nota

Rogério Ceni: vai, aos poucos, fazendo o elenco entender seu esquema tático. 6

 

Paulo Pontes

3 comentários em “Notas dos jogadores

  1. NOTA 7 PRO THIAGO MENDES, ACHO QUE DESTA VEZ VOCÊ FOI BONZINHO AO EXTREMO, ELE ERROU TUDO DESDE O COMEÇO DO JOGO, TÁ NA HORA DELE IR PRO BANCO, GOSTEI DO LATERAL TAVARES, TEM PERSONALIDADE, ERROU ALGUNS PASSES MAIS NÃO SE ESCONDEU.

  2. Na verdade não tem esquema tático algum. O que ele tinha construído na pré temporada ele abandonou na primeira derrota. A insistência com o Schimidt que quer sair e com o Thiago Mendes e inacreditável. Cícero praticamente se arrastou em campo. Se for esse o time que vai atuar contra a Ponte, podem esperar pelo pior. Voltando um pouco, ao vejo nada de diferente com o Ceni em que os técnicoa anteriores vinham fazendo. 451 feijão com arroz, que vira 433 no ataque, mas os alas apoiam mal e defendem mal. O time não faz pressão, nem joga em contra-ataque. A velha posse de bola inútil que não se traduz em nada. Só nos resta torcer pra esse quadro mudar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*