No Superclássico, Fabuloso defenderá invencibilidade contra a Argentina

Depois de dois anos sem saber o que era vestir a Amarelinha, Luis Fabiano retorna à Seleção Brasileira para disputar o Superclássico das Américas, contra a Argentina. E o torcedor brasileiro pode se animar com o bom retrospecto do Fabuloso quando enfrenta os hermanos. Em quatro partidas, o camisa 9 são-paulino ainda não sentiu o gosto da derrota: marcou dois gols e saiu vitorioso em duas oportunidades, com outros dois empates no currículo.

O primeiro duelo aconteceu ainda em 2004, válido pelas Eliminatórias da Copa do Mundo da Alemanha (2006). Usando o número 10, participou da vitória canarinho por 3 a 1, com três gols de pênalti marcados por Ronaldo “Fenômeno”. Sorín descontou para a albiceleste.

Ainda no mesmo ano, Brasil e Argentina decidiram a Copa América, disputada no Peru. No Estádio Nacional de Lima, empate em 2 a 2 no tempo normal com direito a gol de Adriano aos 48 minutos da etapa final, em lance que Luis Fabiano dividiu pelo alto na grande área e a bola sobrou para o Imperador finalizar e igualar o placar. Nos pênaltis, vitória brasileira coroada com o título.

Após quatro anos sem enfrentar os argentinos, o atacante do Tricolor (na época defendendo o Sevilla-ESP) volta ao Mineirão pelas Eliminatórias do Mundial da África do Sul (2010), mas seu primeiro gol diante da arquirrival teima em não sair.

Jejum de gols que findaria em jogo válido pelo segundo turno das Eliminatórias, em 2009, disputado no Estádio Mundialista, em Mendoza (ARG). Com show de Fabuloso, a Seleção Brasileira bateu a Argentina por 3 a 1 com dois gols do centroavante (Luisão marcou o primeiro e Dátolo, hoje no Internacional, anotou o gol adversário). O jogo marcou a última vitória do Brasil sobre os argentinos em duelos disputados fora do território brasileiro.

Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*