Ney ignora caldeirão e diz que cenário é perfeito para “guinada”

Uma temporada inteira, com 32 jogos de invencibilidade, com direito a apenas sete empates jogando no Independência. Ingressos esgotados e a vantagem toda do Atlético-MG por ter vencido a partida de ida por 2 a 1 no Estádio do Morumbi. Desfalque do suspenso Lúcio e chance de Osvaldo não jogar por dores no quadril. Tudo parece conspirar com o time de Belo Horizonte e, mesmo assim, Ney Franco diz que o cenário está desenhado para que o São Paulo inicie uma nova guinada na Libertadores.

Toda a confiança do treinador acontece por ele considerar que sua equipe é a mais preparada para acabar com toda a “pompa” do Atlético-MG por ter ido bem nos últimos jogos que fez no Independência, além de considerar que, no primeiro tempo no Morumbi, na ida das oitavas de final, os atleticanos só não tomaram mais gols por falta de sorte do São Paulo.

“Eu tenho passado para os jogadores que em algum momento isso (invencibilidade) vai cair no Independência. E a equipe que está mais próxima de conseguir esse feito é a nossa. Pelo recente confronto, por duas experiências de ter jogado aqui, pela forma como disputamos os jogos aqui e pela confiança que vi hoje pelo treinamento. Nós temos a equipe mais próxima de derrotar o Atlético-MG aqui”, disse Ney.

Nem mesmo a eliminação na semifinal do Campeonato Paulista, diante do Corinthians, tira a confiança do comandante, que aposta em Luis Fabiano como o ponto de virada do time.

“O momento de frustração já foi. Tivemos o domingo à noite e a segunda para isso. Hoje, já está tudo superado. Foi isso o que vi no treinamento. Vamos entrar muito focados. Ainda tivemos uma conversa muito boa com Luis Fabiano. Tudo está se desenhando para dar uma guinada. O cenário está montado para a nossa virada. É o cenário perfeito para dar uma guinada”, disse ele para lembrar a quase eliminação na fase de grupos.

“A gente já teve um momento de quase eliminação. Hoje é mais um e no primeiro a gente conseguiu. Não é milagre nenhum a gente conseguir a vaga. A gente sabe que tem a força para conseguir a classificação”, disse ele.

São Paulo e Atlético-MG entram em campo às 22h desta quarta-feira. Para avançar, o time do Morumbi precisa vencer por dois gols de diferença ou por um, desde que consiga marcar pelo menos três tentos. Qualquer empate classifica os mineiros às quartas de final da Libertadores.

Fonte: Uol

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*