Ney Franco enaltece Casemiro, mas afirma que volante ‘se acomodou’

O volante Casemiro é uma das revelações do São Paulo nos últimos tempos, contudo, o camisa 28 tem alternado boas e más atuações. Com isso, não consegue se o titular da equipe. O técnico Ney Franco, que trabalhou com o jogador nas categorias de base da Seleção Brasileira, enalteceu o potencial do jogador, contudo, analisou os motivos de o atleta não ser escalado.

– Sobre o Casemiro, eu tenho a mesma visão que o torcedor tem, que a diretoria tem. O Casemiro tem um potencial enorme. Tem tudo para ser titular do São Paulo. Eu tive experiências muito boas com ele, no torneio Sul-Americano e Mundial (Seleção sub-20). Eu tive até uma conversa com ele há pouco tempo: Ele é um volante, que principalmente depois da volta do Wellington, ao lado do Denilson, eu acho que ele se acomodou e não quis encarar essa disputa pela posição. Para jogar bem, para aguentar bem os 90 minutos, tem que ter uma semana forte, em questão de treinamento – declarou o treinador, à rádio Bandeirantes.

– Em alguns momentos, os jogadores que não fazem o trabalho com intensidade, não adquirem essa parte física. Nas últimas duas semanas, (Casemiro) tem trabalhado forte. Aguentou bem (contra o Grêmio), já caiu no segundo tempo, e agora no último jogo ficou como opção. A história do jogo foi criando a situação que não deu para ele entrar no jogo. O Toloi saiu, entrou um zagueiro. O Ganso fez a sua estreia. Na última, a dor muscular do Osvaldo, que pediu para sair e eu coloquei um jogador que é do meio para frente – completou o treinador, explicando o motivo de não ter optado por Casemiro contra o Timbu.

Com Ney Franco no comando, a maior sequência de jogos de Casemiro, pelo Campeonato Brasileiro, durou cinco jogos: Santos, Atlético-MG, Portuguesa, Cruzeiro e Coritiba. A equipe conquistou duas vitórias, dois empates e uma derrota.

Na temporada, Casemiro já tem três gols marcados pelo Tricolor.
Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*