Ney descarta dispensas e faz planos para reforçar elenco são-paulino

O elenco do São Paulo, atualmente, é composto por 31 jogadores. E deve aumentar na próxima temporada. Pensando na volta do time à Taça Libertadores da América após dois anos, o técnico Ney Franco já conversou com a diretoria e fez dois pedidos: que todos os atletas que compõem o plantel atualmente sejam mantidos, e que também cheguem reforços, dos mais diversos tipos.

O comandante tricolor preparou uma lista com nomes de possíveis contratações a serem analisadas pelos dirigentes. Entre eles, até aqui, os mais avançados em negociações são o meia-atacante Lucca, do Criciúma, e o atacante Aloísio, do Figueirense.

Ney diz, sem revelar nomes, que está interessado não somente em jogadores mais jovens, mas também em alguns mais conhecidos e experientes.

– Queremos trabalhar com um grupo um pouco maior na Libertadores. Na nossa cabeça, não passa nenhuma possibilidade de dispensar jogadores cujos contratos estão vencendo. Pelo contrário, temos é de trazer mais atletas. Na lista que a diretoria está trabalhando, temos jogadores experientes também, mas o mercado é muito competitivo – afirmou.

Embora o principal responsável pelas transferências no clube seja o diretor de futebol Adalberto Baptista, Ney disse que as indicações partiram não somente dos dirigentes, mas também dele, que já projeta 2013 como um ano de conquistas para o São Paulo. O interesse por Lucca e Aloísio surgiu justamente de um “comum acordo” de ambas as partes após análise dos jogadores ao longo da temporada.

– Logicamente que a questão das contratações está nas mãos do Adalberto. Ele é responsável por isso. Mas eu estou na reta final da Sul-Americana e do Brasileiro, por isso existem alguns nomes que serão trabalhados. Temos condições de entrar com uma base forte e qualificar ainda mais o trabalho com a possível chegada de atletas – completou.

Com a possibilidade de conquistar a vaga na Libertadores por duas formas (permanecendo no G-4 do Brasileirão ou conquistando a Copa Sul-Americana), Ney Franco assegurou que o elenco será reforçado pensando na temporada como um todo. Por isso, a sondagem aos jogadores começou cedo, antes mesmo de saber qual será o destino final do São Paulo em 2012.

– Estamos trabalhando com os nomes independentemente da Libertadores. O mercado não dá tempo para ficar esperando definições. Temos competições com alto grau de importância e dificuldade – explicou.

O aporte financeiro proporcionado pela venda recorde do meia-atacante Lucas, negociado com o Paris Saint-Germain, da França, por € 43 milhões (R$ 108,34 milhões) contribuirá para que o São Paulo reforce seu elenco de acordo com a própria vontade. Além do setor ofensivo, o Tricolor também deve ir em busca de laterais, já que hoje não conta com substitutos imediatos para os titulares Douglas e Cortez.

 

Fonte: Globo Esporte  – Foto: Vipcomm

Um comentário em “Ney descarta dispensas e faz planos para reforçar elenco são-paulino

  1. Exagero do Nei. Nenhum time precisa mais que 30 jogadores (desde que bem escolhidos ) para compor seu elenco. O que ele quer, quantidade, não vai decidir nenhum campeonato; afinal, 2 jogadores por posição, mais alguns “coringas”, como o Cícero, o Paulo Miranda e o Wellinton, e o grupo fica muito forte. Numa eventualidade, para compor banco, pode-se usar a base.
    Outra coisa: como continuar com o tal Paulo Assunção no elenco? O cara não joga nada. Não só êle. Existem outros que devem ser emprestados (os mais novos) e dispensados (ou vendidos ou doados) os mais “rodados”.
    Afinal, a folha salarial, com certeza, é o maior custo/compromisso do clube.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*