Na contramão da crise, Volpi e Bruno Alves jogam todas com Cuca

A crise do São Paulo, que não vence há cinco partidas na temporada, parece não afetar o goleiro Tiago Volpi e o zagueiro Bruno Alves. Os dois vivem momentos positivos individualmente e, não por acaso, são os únicos jogadores que Cuca escalou como titular em todas as 12 partidas desde que assumiu o São Paulo. Neste sábado, às 21h, eles estarão em campo novamente para enfrentar o Avaí, na Ressacada.

Volpi foi o melhor jogador do Tricolor no empate por 1 a 1 com o Cruzeiro, domingo passado, no Pacaembu. Ele fez cinco defesas difíceis e evitou a derrota da equipe. Na vitória por 1 a 0 sobre o Fortaleza, a última antes da atual seca, também teve atuação foi muito boa.

O goleiro é elogiado internamente por ser uma das referências do grupo, assim como Bruno Alves, que recentemente teve seu contrato renovado até o meio de 2023. Como Arboleda pode ser vendido na próxima janela, o clube já se movimenta para transformá-lo em referência da zaga.

O volante Tchê Tchê é outro que tem jogado bem e está em alta com o treinador: ele não foi inscrito a tempo de disputar as fases finais do Paulistão, mas depois disso foi titular em todas as nove partidas em que esteve à disposição de Cuca.

Hudson e Reinaldo também estão entre os mais utilizados. Ambos foram titulares em 11 dos 12 jogos de Cuca no São Paulo, ficando fora apenas do jogo de ida contra o Bahia, na Copa do Brasil, por desgaste físico. Antony teria números parecidos se não tivesse sido convocado para defender a Seleção Brasileira olímpica no Torneio de Toulon. O jovem ficou fora dos últimos dois jogos e só volta depois da Copa América. Antes disso, havia sido utilizado por Cuca nas dez vezes em que esteve disponível, sendo nove como titular e uma saindo do banco, também na ida contra o Bahia, quando não iniciou jogando devido ao cansaço acumulado.

Cuca utilizou 26 jogadores ao longo desses 12 jogos e não repetiu a escalação nenhuma vez. E a tendência é que não repita contra o Avaí. Titular contra o Cruzeiro, Hernanes passou a semana na Itália para resolver uma questão envolvendo um de seus filhos e não deve estar entre os 11.

 

Fonte: Lance

Um comentário em “Na contramão da crise, Volpi e Bruno Alves jogam todas com Cuca

  1. O Bruno Alves, de fato, quase não compromete: joga simples e rebatendo pra qq lado. Na situação em que o time anda, acaba por ser meritório. Entretanto, para quem gosta de um futebol bem jogado, dá raiva vê-lo rebatendo bolas em que está sozinho e poderia iniciar uma jogada de ataque invés de devolver a bola para o tumulto. O time poderia construir mais e melhores jogadas caso ele fosse treinado a jogar com essa perspectiva. . .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.