Muricy quer São Paulo na pressão para evitar novo desastre no ano

O técnico Muricy Ramalho já definiu a estratégia do São Paulo para encarar o CRB-AL, nesta quarta-feira, pela Copa do Brasil, no Pacaembu: pressão. Para o comandante, só assim o Tricolor poderá sair com o resultado que lhe interessa. Com a derrota de 2 a 1 na ida, 1 a 0 ou vitória por dois ou mais gols de diferença garantem a vaga aos paulistas.

– Será um jogo complicado, porque eles vão jogar fechadinhos no Pacaembu. Mas temos que forçar o jogo, pressionar e não deixar o adversário jogar – afirmou o treinador, ao site oficial do clube.

Muricy não revelou o time que entrará em campo e fechou o treino desta terça-feira. Ele deve fazer alterações com relação ao jogo contra o Coritiba, pelo Campeonato Brasileiro. A dúvida maior é se Ganso volta ao time ou continua no banco. Osvaldo e Pabon são cotados para sair.

– Não tenho muitas dúvidas sobre a escalação, mas vamos deixar isso para mais perto do jogo. O importante é que, independentemente de quem entre, a mentalidade seja de não deixar o time deles ter liberdade para criar as oportunidades – disse o técnico.

O São Paulo enfrenta o CRB a partir das 22h. A equipe não contará com Rodrigo Caio, expulso no jogo de ida. Ele deve ser substituído por Edson Silva. Veja o provável time: Rogério Ceni, Luis Ricardo, Antonio Carlos, Edson Silva e Alvaro Pereira; Souza, Maicon, Pabon (Ganso) e Pato; Osvaldo (Ademilson) e Luis Fabiano.

Uma derrota seria catastrófica para o São Paulo e significaria a segunda eliminação para clubes pequenos nesta temporada. A equipe caiu do Campeonato Paulista para o Penapolense, em derrota nos pênaltis, no Morumbi.

Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*