Muricy iguala marca de Telê e diz que quer se aposentar no São Paulo

Muricy Ramalho reestreou com vitória e recorde no comando do São Paulo. Venceu por 1 a 0 a Ponte Preta, nesta quinta-feira, no Morumbi, e igualou a marca de Telê Santana, de 198 vitórias no comando do clube. Agora é, ao lado do mentor, o terceiro treinador com mais vitórias na história, abaixo apenas de José Poy e Vicente Feola.

“Sobre o número de vitórias que você fala, não tinha ideia. Se igualar a um dos melhores treinadores do Mundo, que é o Telê, é uma coisa importante. Igualar o Telê em alguma coisa é um absurdo. Ele é um dos melhores de todos os tempos, um ídolo. Não dava para imaginar, aconteceu hoje”, disse o treinador.

Aos 57 anos, Muricy Ramalho já tinha falado no Santos sobre a possibilidade de se aposentar. Agora, ele diz que espera poder encerrar a carreira no São Paulo.

“Tomara, a gente tinha até a intenção na época de acompanhar o Telê. Na época eu era o cara escolhido para que o Telê passasse os ensinamentos dele aqui. Eu voltei mais pelo apego da torcida, não pelo contrato, que não foi um baita contrato. Se fosse analisar friamente, não seria uma coisa pra eu aceitar. Pelo momento, tenho minha vida legal e realizada. Mas quando o telefone tocou não deu para falar não. Contrato foi feito em cinco minutos”, acrescentou.

Muricy Ramalho se formou como treinador no São Paulo ao lado de Telê Santana, no início da década de 1990. O treinador voltou ao clube em 2006, quando permaneceu por três anos e meio e ganhou por três vezes o título do Brasileirão. Durante a segunda passagem como técnico, Muricy virou ídolo da torcida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.