Ministério Público descarta torcida única no San-São desta quarta-feira

O clássico entre Santos e São Paulo, quarta-feira, às 22h (horário de Brasília), na Vila Belmiro, pela quarta rodada do Paulistão, será aberto às duas torcidas. À tarde, o promotor Roberto Senise Lisboa havia dito que analisaria a possibilidade de recomendar à Federação Paulista de Futebol  a realização da partida com torcida única.

À noite, em entrevista ao site do jornal A Tribuna, de Santos, Senise disse que não haverá necessidade de impedir o acesso de são-paulinos à Vila Belmiro.

– Não há dado indicando que na partida de quarta-feira teríamos risco além da normalidade. Por conta disso, o jogo terá duas torcidas – afirmou.

O São Paulo recebeu do Santos uma carga de 700 ingressos, de um total de 16 mil, para vender a seus torcedores.

 

Fonte: Globo  Esporte

Um comentário em “Ministério Público descarta torcida única no San-São desta quarta-feira

  1. Poderia chegar ao Aidar a mesma ideia que o Internacional vai implantar no seu programa sócio torcedor. Vão separar uma área no estádio para torcida mista, onde o sócio torcedor convidará um amigo, parente ou conhecido que seja torcedor do time adversário para assistirem os jogos juntos. Vai estar em prática já no primeiro Gre-Nal do ano, achei fantástico!
    Como essa área só estará aberta a sócios torcedores, a ideia é ter um público civilizado que possa torcer por times diferentes mas conviverem no mesmo espaço, como é na Copa por exemplo. A fácil identificação dos torcedores (por serem sócios) também ajuda a inibir qualquer tipo de violência.

    Acho um ponto de partida MUITO BOM e interessante para tentar começar a levar gente decente para os estádios, ocupar os espaços e começar a tirar essa raça nojenta de marginais que infestam e destroem os estádios atualmente. Até como medida educativa de certa forma ela funciona.

    Se eu fosse presidente do tricolor não pensaria duas vezes, entraria em contato com o Inter e copiaria essa iniciativa. Se amigos que torcem pra times diferentes se encontram em casa ou no bar pra ver um São Paulo x Corínthians num clima legal, por que não fazê-lo no estádio? Só vai faltar a polícia e a justiça começarem a se mexer e meter bandido disfarçado de torcedor na cadeia ou de preferência na vala.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*