Michel Bastos iguala Kaká em oito jogos: três gols e quatro assistências

Michel Bastos foi o homem escolhido para ser o substituto de Kaká no São Paulo. Desde a saída do ídolo para Orlando City, dos Estados Unidos, no fim do ano, o camisa 7 foi efetivado como meia. A exceção se deu por uma opção de Muricy Ramalho na derrota por 2 a 0 para o Corinthians na última quarta-feira, quando ele foi lateral-esquerdo. Pelo desempenho demonstrado no início de ano, ao menos dentro de campo o jogador está cumprindo seu papel.

Em oito jogos realizados nessa temporada (dois amistosos, cinco no Paulistão e um na Libertadores), Michel Bastos fez três gols e deu quatro assistências (contra Vasco, Capivariano, Penapolense e Audax). Os números foram alcançados após a goleada por 4 a 0 sobre o Audax, no último sábado, no Morumbi, pelo Paulistão (veja no vídeo acima). Esse é exatamente o mesmo desempenho de Kaká nos 24 jogos realizados em 2014, de acordo com o site oficial do São Paulo.

Porém, há uma ressalva: o nível dos adversários do Tricolor na segunda metade da última temporada, quando o ídolo estava no Morumbi, era de Campeonato Brasileiro. Portanto, mais qualificados do que as equipes do Paulistão.

– É melhor ter o Michel Bastos de ponta sempre, porque ele tem o chute. Queria um time bastante ofensivo contra o Corinthians, por isso usamos ele de lado. Mas não fomos bem. Dentro de campo é o que pega. Contra o Santos a gente foi muito mal pela esquerda, então mudei. Mas ele, pela frente, é melhor. É a posição dele – disse Muricy.

Das quatro assistências de Michel Bastos, duas foram para Luis Fabiano e duas para Alexandre Pato. Agora, ele seguirá no time na mesma posição para encarar o Danubio, do Uruguai, quarta-feira, no Morumbi, pela Libertadores. Recentemente, em entrevista ao GloboEsporte.com, o próprio jogador admitiu: nesse setor, teria de ser decisivo com gols e assistências para o São Paulo, correndo para Ganso e “consagrando” o Fabuloso.

– Decisivo foi o Michel. Foi o cara que deu assistência e fez os gols. Ele está de parabéns. A nota dez vai para ele – reconheceu Pato, após a vitória sobre o Audax.

 

Fonte: Globo Esporte

Um comentário em “Michel Bastos iguala Kaká em oito jogos: três gols e quatro assistências

  1. A questão aqui é que ele precisa ser SÓ meio-campista. Nada de lateral. Não adianta povoar o meio-campo com Maicon. Temos q jogar sem medo de perder. Temos de jogar pra ganhar. Essa é a diferença do SPFC libertadores e do SPFC paulistão. Jogamos com medo do Corinthians e tínhamos time melhor, pelo menos no papel. Adoro o Muricy, mas fiquei decepcionado, pq ele foi medroso na quarta, anulando todo o time do SPFC. Ganso ficou sozinho na armação e os atacantes isolados, porque são mais definidores e não velocistas. Uma pena. Se o Carlinhos machucou e ele não confia no Reinaldo, bota um terceiro zagueiro na esquerda e pronto, pq não dá pra confiar no Maicon. Ele é muito bom jogador tecnicamente, mas é covarde em campo, com todo o respeito: toca de lado, inverte o jogo lateralmente, mas não se arrisca, não assume a responsabilidade de vencer, compromete-se sempre em não errar pelo menos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*