Marco Aurélio encontra Luxemburgo em restaurante e se explica

A situação realmente não está fácil para Ricardo Gomes. Não bastasse toda a pressão em cima de seu trabalho, que já desagrada a muitos tricolores, principalmente pela ausência de vitórias e pela proximidade da equipe à zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro, neste domingo pelas redes sociais surgiu uma foto de Marco Aurélio Cunha e Vanderlei Luxemburgo juntos, em um restaurante na Capital Paulista.

Para tentar colocar panos quentes na situação, o executivo de futebol do São Paulo se pronunciou em sua conta na mesma rede social e tratou o fato como um encontro causal. Nada além disso, refutando qualquer interesse profissional.

“Foi legal encontrar Vanderlei Luxemburgo na Ráscal do S Higienópolis. Fazia dez anos que não falava com ele. Vi sua família, filhas e Fabiano (genro, ex-jogador). Felizmente ao longo de tantos anos fiz amigos, convivi e quando os encontro em ambiente aberto não preciso esconder de ninguém. Que bom. Se fosse seguir preferências, escolhas de torcedores, teria 10 técnicos, 200 jogadores, e nenhuma ordem. Respeito opiniões mas sabemos fazer” escreveu Marco Aurélio, em três posts seguidos.

Vale destacar que recentemente Vanderlei Luxemburgo voltou a manifestar seu interesse em dirigir o São Paulo, clube pelo qual o treinador nunca trabalhou e também nunca gozou de muita admiração. Além disso, tanto Marco Aurélio Cunha quanto o presidente Leco não têm garantido que Ricardo Gomes

 

Fonte: Gazeta Esportiva

10 comentários em “Marco Aurélio encontra Luxemburgo em restaurante e se explica

  1. Sempre defendi a contratação do Luxemburgo aqui nesse espaço. Não pela sua pessoa em particular mas sim pela sua capacidade profissional e a sua peculiaridade de observar futebol. Acredito que ele está entre os 10 maiores treinadores que o Brasil já teve e com o seu lisongioso currículo de títulos certamente daria uma parceria perfeita com o SPFC e com a estrutura que o clube pode oferece-lo. Claro que para isto acontecer não basta somente contratar um técnico “TOP” mas deve-se também abrir o cofre para buscar reforços de alta qualidade e há altura do SPFC e não ficar ponderando gatos pingados de 2 divisão como vem ocorrendo nos últimos anos! Esse mal planejamento é que levou o clube a cair diversas vezes em competições e repetidas vezes ser rotulado como amarelão. Sempre em mata-matas, o clube não segurava o rojão e o grupo não podia sustentar a qualidade e a difícil pressão que é um clube de ponta. Assim o clube foi diversas vezes ao fundo do poço e rotulado até mesmo pela sua torcida como “Amarelão”.
    Com o professor Luxa eu creio que isso pode mudar, ele sabe montar time campeão e com seu olhar clínico, sabe buscar talentos da base. Mas creio que para que o seu trabalho desse certo, a diretoria deveria dá-lo autonomia para contratar e não fazer como se faz há muito tempo no tricolor. Primeiro eles contratam errado depois correm atrás de quem possa concertar os erros.

  2. Nunca gostei do personagem Vanderlei Luxemburgo; do seu jeito marrento, meio que na “sombra” da ética e dos bons costumes. Entretanto, neste momento, aceitaria sua contratação imediata para substituir o Ricardo Gomes. Bem conversado, com um contrato tipo de risco, acredito que ele poderia fazer um grande trabalho no tricolor, mesmo porque, ele deve isto a si próprio e ainda acho que ele é um dos melhores nesse deserto de treinadores que é o futebol brasileiro.
    Salário baixo (para os padrões que estão pagando para os treneros por aí) com premiação por desempenho: acho que ele salvaria o time da segundona e faria um bom planejamento para o ano que vem. Só não pode deixar por conta dele a administração dos recursos financeiros para contratação de jogadores.
    Vou torcer pra isto!!!

  3. Caramba… que fase! Quanto mais rezo, mais me aparecem assombrações! E essa, realmente, é uma assombração de peso. Uma daquelas para jogar a toalha, para arrear a mochila. Só falta essa para encerrar o meu ano com chave de “latão”!

  4. Muito melhor ooooo…. Prefiro O RG, pelo menos não é sem vergonha…. (não que eu goste do RG), mas torcer para o Luxemburro é muito para a minha capacidade em compactuar com a cegueira de que ele faria um bom trabalho que não ocorre a uns 10 anos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*