Máfia do apito já fez São Paulo jogar na segunda-feira. Veja histórico

O São Paulo vai a campo contra o Goiás na segunda-feira. E o dia da semana tão incomum para jogos de futebol no país foi utilizado para uma partida do time pela última vez em 2005. Tudo por conta da Máfia do Apito.

O esquema de manipulação de jogos que aconteceu no Campeonato Brasileiro de 2005 fez com que São Paulo x Corinthians fosse disputado em uma segunda-feira. O duelo terminou 1 a 1, com gols de Amoroso para o time são-paulino e Carlos Alberto para o corintiano.
Na história, o São Paulo já realizou 66 jogos em uma segunda-feira. São 34 vitórias, 14 empates e 18 derrotas. O que resulta em aproveitamento de 58,4%. Os números foram fornecidos pelo departamento de história do São Paulo.
O único jogador do elenco atual do São Paulo que já passou por essa experiência de jogar pelo clube na segunda-feira é Rogério Ceni. O goleiro tem até gol neste dia da semana.
Além de participar do clássico contra o Corinthians, em 2005, o camisa 1 participou do duelo contra o Uralan Elista-RUS (atual FC Elista), em 2000, no Morumbi, pelo Torneio Internacional Constantino Cury, competição criada para homenagear o ex vice-presidente do clube, Constantino Cury, falecido pouco antes . O São Paulo venceu o confronto por 5 a 1, sendo um dos gols de Rogério Ceni. O time foi campeão do torneio.
No Morumbi, o São Paulo realizou apenas 13 jogos na história no segundo dia da semana. O histórico aponta 6 vitórias, 1 empate e 6 derrotas.
O confronto contra o Goiás, pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro, ocorre segunda-feira por conta da realização do clássico Palmeiras x Corinthians, sábado, na capital. A Polícia Militar não libera duas partidas no mesmo dia na cidade de São Paulo por razão de segurança. Domingo, dia de segundo turno de eleições, não há partidas de futebol.
Fonte: Uol

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*