Luis Fabiano valoriza atuação solidária, mas admite desconforto sem gol

O São Paulo marcou quatro gols sobre o Danubio na noite desta quarta-feira, no Morumbi. Nenhum deles foi do centroavante Luis Fabiano, que procurou disfarçar o seu incômodo por ter passado em branco também na segunda rodada da Copa Libertadores da América.

“Lógico que o sentimento não é dos mais confortáveis, mas o importante é a vitória. Tudo normal”, minimizou Luis Fabiano, que teve o seu nome gritado por parte da torcida são-paulina.

Segundo o centroavante, a função solidária que o técnico Muricy Ramalho lhe incumbiu também o afasta do gol. “Tenho que cumprir. Estou jogando para o time. Nessas de ajudar, saio da área, e as oportunidades para concluir não estão aparecendo”, argumentou, voltando a salientar que prioriza o resultado positivo.

Sergio Barzaghi/Gazeta Press

Enquanto Luis Fabiano passou em branco, Alexandre Pato marcou dois dos quatro gols do São Paulo

A vitória, de fato, foi fundamental para o São Paulo. Derrotado pelo Corinthians em sua estreia na Libertadores, o time somou os seus primeiros três pontos no grupo 2, que ainda conta com o atual campeão San Lorenzo, da Argentina.

“O próximo jogo também é muito importante. O San Lorenzo já tem três pontos e enfrentará o Corinthians antes de vir jogar com a gente no Morumbi”, concluiu Luis Fabiano, atento à tabela.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

2 comentários em “Luis Fabiano valoriza atuação solidária, mas admite desconforto sem gol

  1. Jogador tipo luisito ja era.
    Alias ele na’o se ajuda quando na’o deveria sair da area,
    e ser referencia la, quer buscar jogo e fica preso nas suas limitaco’es.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*