Luis Fabiano revela que já foi assediado dentro de campo

Um dos atacantes mais fatais do Brasil, Luis Fabiano sofre com a pesada marcação e as provocações dos zagueiros. Mas em entrevista a Revista Status, que chega as bancas nesta quinta-feira, ele revelou quem um dos rivais exagerou e o assediou sexualmente dentro de campo.

“Aconteceu dia desses aí. O jogo pegando fogo e o zagueirão veio pra cima de mim e deu o bote. Encheu a mão! Na mesma hora eu falei: O que é isso, cara? Você tá louco?”, conta o camisa 9 do São Paulo, que durante a entrevista ainda deu sua opinião sobre a homossexualidade no futebol. “Para o cara se revelar ele tem que ter consciência de que a carreira dele acabou. Ele vai ter de parar de jogar futebol”.

Procurada pelo UOL Esporte, a assessoria de imprensa do atleta afirma que o “assédio” foi uma forma que o defensor encontrou para desetabilizar o centroavante são paulino em campo, uma vez ele é conhecido por ter pávio curto.

Com seis cartões amarelos, sendo um vermelho, neste Campeonato Brasileiro, Luis Fabiano culpa a “vontade de ganhar” pelo nervosismo em certas horas, e afirma que hoje, casado e pai de duas filhas, sabe orientar o jovem grupo do São Paulo, principalmente quando o assunto é mulher.

“O maior perigo é na noite, com bebida na cabeça. E aqui no Brasil é complicado. A mulherada é bonita”. Tem aquelas marias-chuteiras. Todo time tem. Agora isso é coisa para os moleques novos, que estão surgindo agora e estão com tudo”.

Luis Fabiano está em sua segunda passagem pelo Tricolor e apesar de ser reconhecido como um fazedor de gols nato, ele sofre com a falta de títulos pelo clube. “Desde 2008, o São Paulo não ganha um título. Cheguei em 2010 e já estou pagando uma coisa que praticamente não é minha”, defende-se o atleta que a partir de 2013 não terá a companhia de Lucas. O jovem foi negociado com o Paris Saint-Germain nesta quinta-feira.

Fonte: Uol

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*