Ligado no São Paulo, Lucas crê em Ceni e sonha com volta: “No coração”

Lucas saiu do São Paulo, mas o São Paulo não saiu de Lucas. Revelado pelo Tricolor Paulista, o meia-atacante defende desde 2013 o Paris Saint-Germain, da França – a transferência foi fechada no valor de € 43 milhões (R$ 108,34 milhões na época). No entanto, mesmo de longe, ele segue acompanhando tudo o que acontece com o time do coração.

– Normal, natural ter saudades. Eu tenho uma identidade muito grande com o São Paulo, é o clube que me projetou para o futebol, onde passei praticamente sete anos da minha vida. Devo muito ao São Paulo, tenho muitos amigos lá. O carinho que fica é enorme, então estou sempre acompanhando, procuro acompanhar os jogos quando eu posso, vejo as notícias. Às vezes falo com alguns amigos lá. O São Paulo está sempre no meu coração.

Aos 24 anos, o momento atual é de fazer carreira na Europa e no Paris Saint-Germain. Para o futuro, o jogador reafirmou que sonha em retornar ao Morumbi.

– Penso sim, sempre falei isso, que um dia quero voltar a vestir a camisa do São Paulo, representar aquele clube, entrar no Morumbi lotado e ver o torcedor pulando. Acho que não tem como eu me desligar do São Paulo, está no meu coração. É um time que me projetou para o futebol, a quem eu devo muita coisa, onde conquistei meu primeiro título como profissional. O carinho que o torcedor sempre teve comigo… Isso nunca esqueço. Penso em um dia, não agora. Estou muito novo ainda, quero ficar muito tempo aqui na Europa, mas um dia eu quero voltar para lá sim.

Lucas também se mostrou muito confiante no sucesso de Rogério Ceni como técnico do São Paulo e usou Zidane como exemplo. O meia-atacante jogou com o ex-goleiro entre 2010 e 2012, o que diz ser motivo de orgulho. Ele destacou a liderança de Ceni.

– Creio que sim, acredito muito. O Rogério é muito inteligente, um cara muito profissional e, se ele aceitou o desafio, é porque se preparou para isso. Ele ficou um tempo na Europa estudando, então acredito que pode fazer um excelente trabalho, até pela pessoa que ele é e pelo amor que tem pelo clube. Um exemplo é o Zidane, que assumiu o Real Madrid, e muita gente questionou a talvez falta de experiência dele. Assumiu nada mais nada menos que o Real Madrid e foi campeão da Champions League. Então, acho que o Rogério pode seguir o mesmo caminho, pode levar o São Paulo ao título de novo – disse.

Lucas Rogério Ceni (Foto: Divulgação/saopaulofc.net)Lucas bate papo com Rogério Ceni, ainda goleiro, em visita ao São Paulo em 2014 (Foto: Divulgação / saopaulofc.net)

– Ele tem o perfil de liderança, de mexer com a motivação do jogador, é especialista em fazer isso. Eu tive essa honra, essa oportunidade de trabalhar com ele e de pegar um pouquinho do final da carreira dele. Tem esse espírito vencedor, esse espírito competitivo, e isso é fundamental para um jogador e para um treinador também. Sabe lidar com as pessoas, e isso é um diferencial dele, por isso que acredito bastante no trabalho do Rogério – completou.

 

Fonte: Globo Esporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*