Jovem promessa do São Paulo renova e terá multa de R$ 30 milhões

Além de cuidar do time profissional, o São Paulo também já dá os primeiros passos do planejamento das categorias de base para 2015. Na tarde da última quinta-feira, a diretoria acertou a renovação de contrato do atacante Leonardo Paoli por duas temporadas e definiu a multa rescisória para os rivais tirarem o jovem do Morumbi: R$ 30 milhões.

Leonardo chamou a atenção do Tricolor há cerca de quatro anos, quando foi artilheiro de um torneio atuando pelo Velo Clube, da cidade de Rio Claro. Após se recuperar de lesão na região das costas e de problemas particulares, o atacante passou a ser preparado para disputar a Copa São Paulo de Juniores de 2015.

Como o primeiro contrato firmado tinha duração somente até esta sexta-feira, os são-paulinos preferiram resguardar o atleta, que não vem participando da Copa do Brasil sub-20. O receio era que a Udinese (ITA) aumentasse as investidas sobre garoto, que já possui cidadania italiana e poderia sair de graça. A reunião que definiu o acordo foi realizada no CT da Barra Funda pelo gerente-executivo Gustavo Oliveira.

Paoli, no entanto, não terá vida fácil para se destacar na base do Tricolor. O atacante Joanderson tem se destacado nas competições sub-20 neste segundo semestre e chegou a ser inscrito por Muricy Ramalho para a Copa Sul-Americana. Além disso, Ewandro já integra o time profissional desde janeiro e é frequentemente relacionado para as partidas.

Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*