Jadson explica nova função no time e avisa: ‘Sou meia, não sou ponta’

O primeiro treino tático do São Paulo no ano mostrou que Ney Franco pensa em utilizar Paulo Henrique Ganso como o meia mais centralizado do time. Na atividade da última segunda-feira, o treinador deslocou Jadson para a direita, em posicionamento semelhante ao de Lucas. Mas a função do camisa 10 será diferente da que o ex-camisa 7, hoje no PSG (FRA), exercia até o fim do ano passado.

Com Jadson e Ganso juntos, o São Paulo não terá a mesma força pelas duas pontas do campo, como era em 2012 com Osvaldo e Lucas. Agora, o time terá um melhor toque de bola no meio e uma maior capacidade de criação.

Na manhã desta terça-feira, o camisa 10 deu entrevista coletiva e falou sobre seu novo posicionamento neste princípio de ano:

– Eu não sou ponta, eu sou meia. Claro que quando a equipe estiver com a bola, eu vou ficar mais centralizado com o Ganso. Já quando estiver sem, eu vou voltar mais para ajudar. No treino, quando eu estava com a bola e fechava para o meio, o Ney não falava nada. Quando estava sem, ele me pedia para marcar a saída do lateral. Então, a grande mudança é quando estivermos sem a bola.

O Tricolor estreia no Paulistão dia 19, contra o Mirassol, no Morumbi. Mas Ney Franco e todo elenco já estão com a cabeça no Bolívar, quatro dias depois, pela primeira fase da Libertadores.

Fonte: Lance

2 comentários em “Jadson explica nova função no time e avisa: ‘Sou meia, não sou ponta’

  1. Paulo Pontes, estamos no dia 08 de janeiro de 2013, voce tem alguma novidade do inicio da cobertura do Sacrossanto Morumbi pela AG, ja que o inicio das obras estariam marcadas para o corrente mes, existe algum indicio de que isso esteja acontecendo? Ja existe um dia deste mes pre fixado como inicio das obras? Desculpe- me a minha ansiedade e dos demais 18 milhoes de saopaulinos, mas o coisinha chata essa burocracia brasileira.

    • Ronaldo, desculpe desapontá-lo, mas a informação que tenho até o momento é a mesma que todos tem, ou seja, que a cobertura começa este mês. Mas no clube ninguém fala no assunto. Um empurra para o outro e ninguém fala a coisa certa. Acredite que estou cobrando, pois como um dos milhões de são-paulino, quero ver nosso Templo Sagrado coberto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*