Hudson fala em encerrar a carreira no São Paulo

Satisfeito com o bom momento em campo e com o papel de líder do elenco, o São Paulo já procurou Hudson e seu representante para comunicar que deseja uma renovação de contrato. O vínculo atual termina em 31 de dezembro de 2019 e a diretoria quer se antecipar para evitar problemas. O atual capitão também indica o desejo de permanecer e fala até em se aposentar no clube.

Isso não significa que Hudson está perto de abandonar os gramados, mas sim que ele espera um contrato longo com o São Paulo, além de natural valorização financeira, em caso de renovação. A ideia é chegar até a cinco temporadas de extensão, o que poderia deixá-lo no Morumbi até o fim de 2024. Se isso acontecer, o camisa 25 completará dez anos na equipe que o contratou em abril de 2014, após bom Campeonato Paulista pelo Botafogo-SP.

As negociações, entretanto, ainda não começaram. O próprio jogador pediu que o agente Luciano Couto e os dirigentes esperassem o fim do Campeonato Brasileiro para discutir o tema. Como capitão, ele crê que deva dar o exemplo para os companheiros de que o foco está na busca pelo título da Série A.

A iniciativa do São Paulo em externar o desejo de renovar passa pelo reconhecimento do desempenho do volante, mas também pelo que foi apresentado pelo mercado no início desta temporada. Santos, Flamengo e Atlético-MG chegaram a sondar o jogador depois do empréstimo bem sucedido ao Cruzeiro, quando foi um dos heróis da conquista da Copa do Brasil. A própria Raposa tentou mantê-lo na ocasião.

Hudson soma 152 partidas e quatro gols. O último deles foi em vitória por 2 a 0 sobre a Chapecoense, em agosto, que fez o Tricolor terminar o primeiro turno como líder do Brasileirão.

 

Fonte: Uol

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*