Ganso vira polivalente com Osorio e lidera assistências no SP

“Paulo Henrique é um craque”, disse o técnico Juan Carlos Osorio após a vitória do São Paulo sobre o Internacional, por 2 a 0, no último sábado, no Morumbi. Paulo Henrique, o Ganso, foi quem construiu a jogada do primeiro gol do São Paulo e quem deu assistência para o segundo. Deixou o campo aplaudido pela torcida e aprovado pelo treinador, que desde que chegou ao clube já escalou o camisa 10 em quatro funções diferentes. Antes refém da função de armador, agora Ganso faz diferentes papéis no São Paulo.

Osorio já escalou Ganso como armador, em sua função natural, tirou boas atuações do meia como ponta direita de um esquema com três atacantes, fez testes como falso 9, quase centroavante, e hoje escala o atleta em função que chama de “híbrida” e “box-to-box” (área a área, em inglês) no meio de campo. Contra o Internacional foi assim: 4-3-3, com Hudson como primeiro volante, à frente da zaga, e Ganso e Michel Bastos à frente, nas funções híbridas – nem volantes nem meias, e com a função de ocupar o espaço entre as duas áreas do campo.

Se outrora a crítica ao camisa 10 foi por falta de mobilidade, a jogada do primeiro gol, criada por ele, sugere mudança. O meia desarmou um adversário na linha de meio de campo, rente à lateral direita, progrediu até a entrada da área em diagonal, deixando marcadores pelo caminho e encontrou Wilder Guisao na ponta, com belo passe. O colombiano executaria a assistência para o estreante Rogério, protagonista da noite.

Além de elogiar o momento, Osorio defende Ganso de críticas anteriores. “A atitude dele sugere displicência, mas essa é só sua maneira de sentir o jogo, é a frieza para o passe. Ele foi fundamental. Paulo Henrique teve uma boa sequência de jogos e é muito importante para nós”, falou o técnico colombiano após a vitória.

Ganso agora tem nove assistências em 2015 e é o líder de passes para gol no elenco do São Paulo. Antes, dividia o posto com Michel Bastos, com oito assistências para cada um.

A versatilidade de Ganso descoberta por Osorio aparece no momento em que o técnico viu oito jogadores deixarem o elenco e tem de lidar com grande número de desfalques – foram 12 só no último jogo. Na próxima quarta-feira, ele terá a oportunidade de voltar à Vila Belmiro que bem conhece para enfrentar o Santos. O São Paulo ocupa o 4º lugar no Brasileirão.

 

Fonte: Uol

3 comentários em “Ganso vira polivalente com Osorio e lidera assistências no SP

  1. Todos estão enchendo a bola do ganso este é ganso aquele canso é passado tomare que continue assim sempre. Mas o garoto lyanco esta mostrando que tem potencial e tem seu valor será que esta na hora de prolongar seu contrato antes q vendemos ele por pechincha. ..

  2. se nos ganhar do santose do gremio da pra briga pelo titulo ainda , gosto muito do futebol do ganso mas tem que decidir esses dois jogos ai com certeza cai nas graças da torcida

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*