Fixo na direita, Paulo Miranda bate lateral até com Douglas em campo

A página do elenco no site oficial do São Paulo ainda exibe Paulo Miranda entre os zagueiros, mas, para Ney Franco, ele já é lateral direito. Tanto que, mesmo quando Douglas (antigo dono da posição) está em campo, é o defensor quem cobra arremessos manuais.

Foi assim na vitória de quinta-feira sobre o Atlético-GO, no Morumbi. Douglas substituiu o meia-atacante Lucas na etapa final e deixou a bola para Paulo Miranda cobrar um lateral pela direita. Detalhe pequeno que comprova a intenção do treinador de dar continuidade à improvisação.

“Ele pode ser utilizado na zaga, mas não sei se hoje algum clube vai querer contratá-lo como zagueiro ou lateral. Tomara que ninguém venha trás dele, porque a gente não quer abrir mão dele. Meu pensamento é de fixá-lo como lateral”, disse Ney Franco.

A boa fase do camisa 13 foi coroada com um dos gols do 2 a 0 – o outro foi do atacante Osvaldo. “Foi legal ele ter feito gol, um gol que estava se desenhando há muito tempo. Deu certo como lateral adaptado, não só na parte defensiva”, acrescentou o comandante tricolor.

Ao longo das últimas semanas, Paulo Miranda reconheceu que não se sente tão à vontade na lateral. Ao mesmo tempo, coloca-se à disposição para ajudar a equipe onde for preciso. Pelo momento inspirado, bem diferente da época em que foi criticado por falhas na zaga na semifinal do Campeonato Paulista, a volta à posição de origem parece distante.

“Todo treinador tem uma forma de jogar, e o Ney Franco chegou e acreditou em mim. Graças a Deus as coisas estão dando certo. Fico feliz de marcar um gol e ajudar o São Paulo a vencer”, festejou o novo lateral direito do São Paulo, com quem tem contrato até o fim de 2014.

Fonte: Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*