‘Família Ney Franco’: técnico vê time comprometido com suas ideias

O técnico Ney Franco completou na contra o Botafogo, nesta quinta-feira, sua 14ª partida no comando do São Paulo. Depois de sofrer com o excesso de desfalques no início do mês de agosto, hoje Ney tem opções de sobra. O resultado pode ser observado no desempenho da equipe, que conquistou três vitórias consecutivas no Campeonato Brasileiro e diminuiu para apenas um ponto a desvantagem para o grupo da Taça Libertadores da América.

O aproveitamento do treinador desde que chegou é de 59,5%. Para Ney Franco, a postura dos atletas é o que tem feito a diferença na equipe. Ele afirma que os jogadores “compraram” suas ideias.

– Cheguei no meio de um campeonato para desenvolver um trabalho e isso não é fácil. Mas os jogadores resolveram comprar aquilo que nós propusemos quando chegamos. Todos hoje estão muito envolvidos. Nas últimas partidas, o time está muito concentrado no que precisa fazer. Aqui é um time grande, é proibido ir mal durante todo o ano. O Campeonato Paulista e a Copa do Brasil ficaram para trás. Temos três meses para se recuperar e buscar um título ou a vaga na Libertadores – afirmou.

O comandante são-paulino citou o lateral-esquerdo Cortez para mostrar o quanto os jogadores estão batalhando para a equipe crescer.

–  Vocês lembram que no jogo passado o Cortez não atuou porque estava suspenso. Meu auxiliar (Éder Bastos) fez um trabalho tático intenso com ele visando a melhora da marcação na linha de quatro. Uma das primeiras coisas que escutei quando cheguei aqui foi que o São Paulo só pode jogar no 3-5-2 porque os laterais não marcam. Não concordo. Acredito que, com trabalho e repetição, podemos melhorar as coisas. E todos estão podendo notar isso – ressaltou.

Com 34 pontos, o Tricolor paulista pode entrar no G-4 do Brasileirão pela primeira vez neste fim de semana. Para que isso aconteça, duas combinações são possíveis: vitória contra o Bahia em Pituaçu e torcer para que o Vasco não vença a Portuguesa ou então empatar em Salvador e torcer por derrota da equipe carioca em São Januário.

Fonte: Globo Esporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*