Em defesa de Ricardo Oliveira, Dunga revela análise emocional de Pato

No dia 17 de setembro, quando Dunga anunciou a lista de convocados para os dois primeiros jogos da Seleção Brasileira nas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018, Alexandre Pato não estava na lista. Horas depois, à noite, o atacante deixou a desejar em campo no empate sem gols entre São Paulo e Chapecoense, no Morumbi. Questionado sobre a escolha de Ricardo Oliveira em detrimento do são-paulino, o treinador do Brasil traçou um perfil psicológico do segundo.

“O passado dele (Pato) na Europa não tem influência. Todo mundo tem a segunda chance de melhorar em relação ao passado. Só que o torcedor é muito do clube. A gente está falando da questão emocional. Ele chorou porque não foi convocado, ai já não teve o mesmo rendimento no mesmo dia”, ponderou o técnico em participação no Sportv.

“O treinador (Juan Carlos Osorio) já veio falar que ele ficou abalado e por isso não teve o mesmo rendimento. O lado emocional importa muito e isso tudo é informação para a gente. O torcedor pode ter certeza de que estamos colhendo todas as informações possíveis”, explicou Dunga.

“A gente analisa detalhe por detalhe, porque a gente não quer errar não, viu? Cada torcedor quer um jogador, cada dirigente fala que não quer o jogador na Seleção, mas quer… Não podemos escolher assim”, ressaltou o comandante.

Segundo Dunga, a idade avançada de Ricardo Oliveira não pode impedir a chance do veterano do Santos. “Só pelo rendimento, vamos pensar. O Ricardo Oliveira é o goleador do Campeonato Brasileiro, fez gols de direita, de esquerda, de fora da área, dentro da área, dentro de casa, fora de casa…”, listou.

“O Ricardo Oliveira joga nessa posição de área que nós precisávamos. O Pato joga muito mais pela ponta, onde a gente já tem o Douglas Costa”, justificou. “Aliás, quando convoquei ele, não era bom. Depois ficou bom quando foi para o Bayern”, ironizou, por fim.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*