Elenco do São Paulo sente ‘protesto ininterrupto’ da torcida; diretoria é poupada

A torcida do São Paulo protestou muito contra a eliminação da Copa do Brasil. Antes e durante a derrota para a Portuguesa por 1 a 0, os torcedores criticaram bastante jogadores e o técnico Emerson Leão. Só poupou a diretoria, que não foi ‘lembrada’ em nenhum momento. E o elenco sentiu. A equipe do Morumbi pouco produziu e deixou o gramado lamentando o ‘protesto ininterrupto’.

“A torcida cobrando é complicado. Nós precisamos ganhar para tentar esquecer isso. Sem apoiar é difícil. Mas entendo o lado deles. Precisamos correr dobrado para trazer a torcida para o nosso lado. Precisamos ter atitude para mudar isso. Precisamos vencer para reconquistá-los”, desabafou o zagueiro Rhodolfo, na saída para o intervalo.

Na quarta-feira passada, o time de Leão perdeu para o Coritiba por 2 a 0, no Couto Pereira, e acabou sendo desclassificado no torneio nacional. O protesto foi durante os 90 minutos. Exceção feita à diretoria, a torcida criticou todo mundo.

“Ai que bom seria se o Paulo Miranda voltasse para a Bahia”, “O Jadson, presta atenção, seu futebol é de segunda divisão” e “eiro, eiro, eiro, Casemiro baladeiro” foram alguns dos cânticos. O goleiro Dênis, por exemplo, era chamado de ‘mão de alface’

Por outro lado, a torcida lembrou de ex-atletas do clube, como o zagueiro Fabão, e dos ex-técnicos Muricy Ramalho e Telê Santana. “É sempre melhor a torcida estar nos apoiando. É complicado jogar deste jeito”, declarou Lucas, visivelmente abatido.

“Estava com o resultado na mão em Curitiba. Mas fomos eliminados e agora perdemos para a Portuguesa. Todo mundo escuta as vaias. Eles têm o direito de nos vaiar. Mas a gente não trabalha a toa. Todo mundo é profissional”, declarou Denílson.

O protesto começou antes da partida. Com faixas e trajados, em sua maioria, com uniforme da maior organizada são-paulina, eles pediram reforços e criticaram o técnico e os jogadores. O alvo também voltou a ser Luis Fabiano, que foi chamado de “pipoqueiro”.

Fonte: Uol

2 comentários em “Elenco do São Paulo sente ‘protesto ininterrupto’ da torcida; diretoria é poupada

  1. INFELIZMENTE OS DOIS ULTIMOS ANOS A DIRETORIA ESTA FAZENDO TUDO ERRADO, E NÃO E CULPA DO LEÃO, SEM ELENCO VAMOS E LUTAR PARA NÃO CAIR E MAIS NADA. ESTE ANO PARA O TRICOLOR ACABOU.
    JA PODEMOS PENSAR EM VENDER LUCAS POR UM BOM PREÇO E CONTRATAR VARIOS REFORÇOS P/ O ANO QUE VEM.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*