Dorival terá que utilizar nova dupla de zaga pela primeira vez no Tricolor

Perto de completar um mês no comando do São Paulo, Dorival Júnior terá que utilizar uma dupla de zaga diferente na próxima partida do Tricolor. O técnico não poderá contar com Rodrigo Caio, que levou o terceiro cartão amarelo e cumpre um jogo de suspensão. Com isso, o treinador optará por Lugano ou Éder Militão.

Rodrigo Caio e Arboleda são os homens de confiança de Dorival na defesa tricolor, tendo atuado em todas as seis partidas do técnico sob o comando da equipe paulista. Para o meia Cueva, responsável pela criação de jogadas, o grupo são-paulino tem qualidade para substituir Rodrigo Caio.

Militão e Lugano brigam por vaga na defesa (Foto: Érico Leonan/SPFC)

“Rodrigo Caio é um grande jogador, importante para a equipe. Mas assim como ele, o São Paulo tem bons jogadores para substituí-lo. O grupo tem qualidade, a disputa por vagas é sadia e quem entrar vai fazer seu melhor. O importante é vencer, não tem outro resultado para nós”, avaliou Cueva em entrevista coletiva na última quinta-feira.

Com Rodrigo Caio e Arboleda, o São Paulo soma duas vitórias, contra Vasco e Botafogo, duas derrotas, para Coritiba e Chapecoense, e dois empates, com Grêmio e Atlético-GO. Com a zaga considerada titular, Dorival soma 44% de aproveitamento, tendo conquistado oito pontos dos 18 em jogo.

Para a partida deste domingo, o comandante tricolor utilizará Lugano ou Éder Militão na vaga de R. Caio. No treino da última quinta-feira, Dorival escalou Éder Militão no lado esquerdo da zaga, com Lugano na direita. Como Arboleda costuma atuar pelo lado direito, Militão pode largar na frente na disputa pela posição.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

Um comentário em “Dorival terá que utilizar nova dupla de zaga pela primeira vez no Tricolor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*