Diretor do Cruzeiro confirma conversa com São Paulo por Montillo

A diretoria são-paulina nega, mas negocia com o Cruzeiro a contratação do meia argentino Walter Montillo. Nos bastidores, membros da cúpula e da comissão técnica têm grande expectativa para que o negócio se concretize antes do fim do ano. Alexandre Mattos, diretor de futebol do Cruzeiro que conduz as tratativas com Adalberto Baptista, diretor de futebol do São Paulo, confirma que a conversa existiu, diz que será resolvido após o fim do Brasileirão e diz que Montillo não é inegociável.

– Tivemos uma sondagem do São Paulo, uma conversa informal com a diretoria. Até acabar o campeonato não falaremos sobre isso. Depois, a gente vai ver. Aí vai depender, não sabemos o que o São Paulo vai fazer. O Cruzeiro não está vendendo o Montillo, nem fazendo leilão, ele é importantíssimo para nós. Se chegar uma proposta, vamos ver. Nenhum jogador é inegociável no Cruzeiro, e acho que é assim em qualquer clube do Brasil. Qualquer jogador pode sair – disse Mattos, ao LANCE!Net.

As tratativas entre os diretores Alexandre Mattos e Adalberto Baptista acontecem desde o dia 12 de novembro. Nas conversas, o São Paulo ofereceu inicialmente um valor de cerca de R$ 10 milhões, além de jogadores cedidos em negócio definitivo e por empréstimo.

Atualmente, entre a diretoria tricolor, o otimismo nunca foi tão grande pela contratação do meia argentino. Neste momento, o São Paulo acredita que a transação será concretizada até o fim do ano, porque não vê concorrência. O Grêmio já declarou que saiu do negócio, e o Santos, na visão do Tricolor, não tem poder de caixa para competir.

O fator que gera maior expectativa é a ausência do Corinthians entre os concorrentes. No início do ano, São Paulo e o rival disputaram a contratação, e foi o Corinthians que ficou mais próximo de sacramentar o negócio. No fim, o argentino não se transferiu para nenhum dos lados.

A lista imaginada pelo Cruzeiro de jogadores do São Paulo para integrar o negócio continha João Filipe, Juan, Cìcero e Maicon em definitivo, e Casemiro e Henrique por empréstimo. O zagueiro João Filipe e Juan já estão descartados, mas Casemiro tem aval para se transferir.

A negociação entre São Paulo e Cruzeiro

Negociação
As conversas entre São Paulo e Cruzeiro começaram no dia 12 de novembro. O São Paulo oferece cerca de R$ 10 milhões, além de jogadores por empréstimo e em negociação definitiva.

Lista predefinida
Nesta semana, o Cruzeiro predefiniu uma lista de seis jogadores do São Paulo para integrarem o pacote na negociação por Montillo. O zagueiro João Filipe, o lateral-esquerdo Juan e os meias Cícero e Maicon entrariam em negociação definitiva. Por empréstimo de um ano seriam incluídos o volante Casemiro e o atacante Henrique, que está no Sport.

Resposta da lista
Logo depois, o Cruzeiro já fez contato com os empresários de Casemiro, que deram o aval para o negócio. João Filipe foi descartado pela diretoria mineira em nova reunião, e o lateral Juan, que volta de empréstimo do Santos, foi vetado por seu empresário, Eduardo Uram, que acaba de negociar o também lateral Egídio com o Cruzeiro. Cícero também se encaminha para romper o contrato de empréstimo para fazer parte do pacote. Maicon enfrenta resistência para ser liberado pelo Tricolor.

Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*