Diego Aguirre vê São Paulo frágil: ‘Não gostei do nosso rendimento’

O técnico Diego Aguirre reconheceu as fragilidades do São Paulo no clássico deste sábado, contra o Corinthians, em Itaquera. Mesmo com um jogador a mais em campo durante todo o segundo tempo, o Tricolor ficou apenas no empate, em 1 a 1, contra seu maior rival. No fim, apesar do empate já nos minutos finais do Majestoso, a sensação foi de derrota.

– Não fizemos um bom jogo, está claro. Não gostei do jogo que fizemos. Se falássemos antes do jogo que seria um empate, talvez seria bom, mas com as condições não foi bom. Não tivemos o controle do jogo, não criamos condições para aproveitar esse um homem a mais. Entendo que possam criticar o time porque eu não gostei do nosso rendimento – admitiu o treinador.

O comandante do Tricolor também foi questionado pelo sistema tático escolhido para jogar o clássico em Itaquera. Aguirre iniciou o jogo com três zagueiros e apostou em pressionar o Corinthians no campo adversário. A estratégia, segundo o próprio uruguaio, não surtiu o efeito esperado e influenciou no resultado.

– Temos que ser mais ousados. A ideia era pressionar no campo do rival, mas não conseguimos. Tentamos e não conseguimos. Os três volantes poderiam ter sido bons, mas como não jogamos e não podemos gerar nada, parece que foi um posicionamento defensivo. Tentei com mudanças claramente ofensivas. Colocamos dois atacantes, mas também não conseguimos encontrar situações. O Everton está voltando e está em um processo de recuperação. Foi bom que ele tenha jogado 45 minutos. Não conseguimos gerar situações – concluiu o comandante do São Paulo.

Depois de ganhar o troféu Osmar Santos, prêmio oferecido pelo L! ao campeão do primeiro turno do Campeonato Brasileiro, o São Paulo caiu muito de rendimento e agora briga por uma vaga direta na fase de grupos da Copa Libertadores do ano que vem. Com o ponto ganho em Itaquera, o São Paulo chegou aos 58 pontos na tabela, mas pode perder a posição para o Grêmio, que joga domingo, contra o Vasco.

 

Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*