Desde que Douglas foi ao Barça, lateral direita do São Paulo está sem dono

A venda de Douglas para o Barcelona criou um problema para o técnico Muricy Ramalho, que ainda não conseguiu encontrar o jogador ideal para a lateral direita do São Paulo.

Desde que Douglas saiu do time, em setembro, Paulo Miranda, Auro e Hudson já foram testados na posição – apenas Auro é lateral direito de ofício.

O jovem de 18 anos, aliás, foi o que menos agradou ao treinador, principalmente por sua deficiência na marcação. Nos sete jogos em que Auro foi titular, o São Paulo sofreu 13 gols, quase dois por partida.

Hudson, que é volante de origem, parece cumprir melhor a função defensiva que o técnico tanto preza. Desde que ele substituiu Auro pela primeira vez, o time sofreu apenas cinco gols em sete jogos, o que o credenciou à primeira opção para o setor.

Em entrevista coletiva recente, Muricy deixou claro que a saída de Auro foi motivada pela fragilidade que sua presença impõe ao setor defensivo.

“Eu trabalho com números. Com ele tomamos muitos gols. Desde que eu tirei, paramos de tomar”, disse o técnico depois de um jogo em que a torcida pediu para Auro entrar em campo.

Paulo Miranda, zagueiro que durante muito tempo jogou improvisado na lateral, perdeu um pouco de espaço no time, também porque ficou indisponível em alguns jogos por estar machucado ou suspenso. Ele oferece menos possibilidades ofensivas do que seus concorrentes.

 

Fonte: Uol

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*