Daniel é apresentado com gafe de diretor e apoio de ‘amigo do Reffis’

Contratado há nove meses, Daniel seria uma opção a mais para o meio-campo do São Paulo não fosse a cirurgia sofrida no joelho direito ainda em janeiro. Recuperado, ele está relacionado para a visita desta quarta-feira ao Joinville. Cedendo sua primeira entrevista coletiva no CT da Barra Funda, o jogador foi apresentado oficialmente em protocolo pouco comum.

“Há grande expectativa da parte do São Paulo. O Rogério já está conosco desde janeiro”, começou o diretor de futebol Rubens Moreno, confundindo o meia com o atacante recém-chegado do Vitória. “Ele vem em momento importante para nós, que estamos mesmo precisando de reforço”, admite o dirigente, sem qualquer menção de corrigir a gafe cometida.

Se o clima ficou constrangedor durante a fala de Rubens Moreno, passou a ser de descontração quando Breno apareceu para celebrar o retorno do amigo, com quem compartilhou o Reffis durante longo período.

“Eu o acompanhei bastante neste tempo difícil”, disse Breno às portas da sala de imprensa. “Só tenho a desejar tudo de bom. Ele já é um vencedor por ter passado esta fase. É o Daniel Messi”, brincou o zagueiro, revelando apelido que teria de ser explicado pelo próprio Daniel na sequência.

“Isso vem da torcida do Botafogo, que tinha um carinho imenso por mim”, afirma o meia são-paulino, reconhecendo que “é impossível” comparar-se ao craque do Barcelona. “Acho que é por ser rápido, conseguir armar as jogadas e chegar bem para finalizar também”, pondera.

Revelado pelo Botafogo, Daniel chamou atenção durante o ano passado ao anotar cinco gols em 13 partidas disputadas no Campeonato Brasileiro. Mas uma séria contusão sofrida no dia 4 de setembro o obrigou a passar por cirurgia, que ainda acabaria não sendo bem sucedida. O meia voltou a operar o joelho direito em janeiro, pouco após assinar com o São Paulo, e ainda espera estrear.

“A saudade de estar ali na atmosfera de um estádio é imensa, e fico na expectativa de poder entrar e mostrar meu futebol”, projeta Daniel, que sonha com um ‘dia de Messi’ se for acionado pelo técnico Juan Carlos Osorio nesta quarta-feira, quando o São Paulo visita o Joinville às 19h30.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

Um comentário em “Daniel é apresentado com gafe de diretor e apoio de ‘amigo do Reffis’

  1. Sao Paulo gosta de comprar jogador encostado e as vezes bichado, so ver nesse elenco quantos vieram baleados, quantos estavam encostados nos seus times anteriores.
    Tipico de uma diretoria incompetente, de time pequeno e amador.
    Vamos torcer para que Daniel nao seja mesmo uma Gafe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*