São Paulo desembarca na Bolívia e se concentra ao nível do mar

A delegação do São Paulo desembarcou na noite desta segunda-feira em solo boliviano, mais especificamente na cidade de Santa Cruz de La Sierra. Como parte da programação que visa minimizar os efeitos dos 3,6 mil de altitude da capital da Bolívia, La Paz, palco da partida contra o Bolívar, na próxima quarta-feira, o time vai ficar até quatro horas antes do jogo em Santa Cruz de La Sierra, que está ao nível do mar.

 “Essa parada vai ser importante para não sentirmos tanto a altitude. Foi um ótimo planejamento da comissão técnica e isso vai nos ajudar dentro de campo”, afirmou o volante Denílson.

Na chegada à Bolívia, após três horas de voo, o Tricolor encontrou bastante calor. Bem diferente do que que será vivenciado em La Paz, onde os termômetros estão marcando 5 graus.

“Não acredito que isso seja problema. Estamos acostumados a jogar em muitos lugares e o importante é estar preparado para o jogo e garantir nossa classificação”, disse o atacante Luis Fabiano, ao site oficial do São Paulo.
Como de costume nas viagens internacionais do Tricolor, o goleiro Rogério Ceni foi o mais assediado pela imprensa local. Nesta terça-feira, o São Paulo realiza o seu primeiro e único treinamento na Bolívia. Será às 18h30 (horário de Brasília), em um centro de treinamento de Santa Cruz de La Sierra.
Para avançar à fase de grupos da Libertadores, o clube do Morumbi pode perder por até quatro gols de diferença, já que goleou o Bolívar por 5 a 0, na última quarta-feira, em São Paulo.
Fonte: Uol

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*