Conmebol se reúne nesta quinta para analisar briga entre São Paulo e Tigre

O Conselho Executivo da Conmebol vai se reunir nesta quinta-feira para analisar as possíveis punições ao São Paulo e ao Tigre (ARG) pelos acontecimentos na final da Copa Sul-Americana, no último dia 12. As duas equipes enviaram ofícios à entidade com seus respectivos esclarecimentos sobre a briga que aconteceu no Morumbi, e que culminou com o encerramento do jogo no intervalo, já que os argentinos se recusaram a voltar a campo.

– O Tigre fez a manifestação dele, o São Paulo fez as manifestação dele e cabe ao Comitê Executivo da Conmebol, composto de gente de notória qualidade e sabedoria, tomar a decisão. Eu acredito que o São Paulo foi muito mais vítima do que qualquer outra coisa e não vá sofrer punição – afirmou o diretor de futebol, Adalberto Baptista.

Uma grande confusão aconteceu nos corredores dos vestiários do Morumbi. O São Paulo afirma que os jogadores do Tigre tentaram invadir o vestiário tricolor e foram impedidos pelos seguranças do clube, o que gerou a briga. Já os argentinos afirmam que foram os seguranças brasileiros que iniciaram a confusão.

O dirigente também não acredita que o São Paulo, ou qualquer outro clube brasileiro, sofra algum tipo de represália quando for jogar na Argentina, na Copa Libertadores.

– Pelo contrário, acho que as pessoas vão passar a tomar um pouquinho mais de cuidado com o extra-campo a partir de agora. Não é o extra-campo que ganha jogos, é dentro das quatro linhas, pelos jogadores que as partidas são decididas.

Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*