Com visto, primeira mudança de Osorio será fechar treinos táticos

Poderia ter sido na vitória sobre o Santos a estreia de Juan Carlos Osorio à frente do São Paulo. O colombiano obteve visto de trabalho na quarta-feira, mas preferiu deixar Milton Cruz no cargo antes de assumir de vez o trabalho, a partir desta quinta-feira. Seu primeiro jogo será no sábado, diante do Grêmio, no Morumbi.

“O Osorio vai dar muita alegria à torcida e vai ensinar muito aos jogadores. Vou aprender muito com ele também. É um treinador muito inteligente, muito capaz. Por isso é que a diretoria foi atrás dele”, elogiou o interino, ao final do clássico, quando se despediu com 69,4% de aproveitamento (oito vitórias, um empate e três derrotas) e o time na quarta posição do Campeonato Brasileiro.

“Ele me deixou à vontade para seguir o trabalho que vinha sendo feito e gostou muito do que viu do nosso time. Mostrou confiança no meu trabalho. Depois do jogo, me elogiou. A gente fica feliz, só tenho a agradecer. Vou me comprometer com ele, como sempre fiz com outros treinadores. Espero que ele tenha muito sucesso. Que possamos ter paciência para ele realizar grande trabalho aqui”, acrescentou.

A primeira mudança aparente no trabalho do colombiano em relação ao do interino será durante a semana. O ex-comandante do Atlético Nacional avisou aos demais membros da comissão técnica que não fará treinos táticos diante da imprensa. Os jornalistas terão acesso aos campos do CT da Barra Funda apenas ao final dessas atividades. Assim será na sexta-feira, véspera do duelo com o Grêmio.

Sergio Barzaghi/Gazeta Press

Ambientando-se no São Paulo, Osorio estuda primeiras medidas que implantará ao assumir o cargo

Também já se sabe que Osorio tem mania de carregar canetas nas meias para fazer anotações (positivas, na cor azul, e negativas, em vermelho) a respeito do elenco durante as sessões de treinamento. Além disso, nas partidas, comunica-se com os atletas através de bilhetes táticos.

O que não muda – ao menos por enquanto – é que Milton Cruz seguirá como membro fixo da comissão, na função de coordenador técnico. Segundo o presidente do São Paulo, Carlos Miguel Aidar, caberá a Osorio decidir o futuro de seu antecessor quando entender que a transição foi concluída.

“Estou mantido, o presidente falou que eu seguir na minha função, que seria coordenador técnico e auxiliar, funções que sempre fiz no clube, e também captar jogadores, pessoal da base, o que sempre fiz”, frisou o funcionário do clube.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

2 comentários em “Com visto, primeira mudança de Osorio será fechar treinos táticos

  1. Acho que melhor seria o Milton Cruz passar a ser o técnico do sub20: aproveitaria sua experiência como técnico do profissional e daria mais qualidade à preparação dos garotos da base. Se eu fosse o novo técnico gostaria de ter comigo a comissão com a qual estivesse familiarizado a trabalhar – pessoas que já conhecessem minha maneira de pensar e como eu trabalho. O Milton seria um estranho no ninho e muito atrapalharia.

  2. Apesar das críticas Milton Cruz sempre foi um funcionário do SPFC, assim o continuará sendo, e acho positivo ele trabalhar junto com o novo técnico.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.