Com shows de Madonna e Lady Gaga, São Paulo projeta arrecadação maior do que com futebol

Os shows internacionais programados para o Morumbi no final do ano vão render ao São Paulo mais do que ele já arrecadou neste Campeonato Brasileiro com futebol. Nas seis partidas que disputou em casa, a equipe de Ney Franco faturou R$ 2,2 milhões com a torcida. Já as divas americanas, em três dias, vão engordar os cofres tricolores com R$ 3,6 milhões aproximadamente.

Os jogos de futebol não devem superar a rentabilidade dos shows mesmo depois da partida deste domingo, contra o Sport, às 16h. A média dos últimos duelos do time tricolor em casa não tem sido alta (R$ 372 mil).

O São Paulo cobra R$ 1,2 milhão pelo aluguel do Morumbi para shows. Madonna vai se apresentar no estádio nos dias 4 e 5 de dezembro. Já Lady Gaga será a atração no dia 11 de novembro. A produtora que trará a jovem estrela ao Brasil deve fazer o anúncio oficial do show nesta segunda-feira.

A conta do lucro são-paulino leva em consideração apenas o aluguel, mas há outros itens que também vão render alguns milhares de reais ao clube. Por exemplo, o São Paulo cobra uma taxa de R$ 120 mil para permitir a venda de bebida e comida nas dependências do Morumbi.

Para os organizadores dos eventos, há ainda outros custos como o pagamento ao pessoal que trabalhará durante os shows. Mas, nesses casos, o dinheiro gasto não vai para o clube.

As médias de público nos jogos de futebol não vêm sendo tão altas quanto a cartolagem tricolor gostaria. Os R$ 951 mil arrecadados no último jogo em casa, contra o Flamengo, foram uma exceção neste Nacional. Nas outras partidas, a média da renda foi de R$ 256 mil.

Para tornar o Morumbi mais atrativo a eventos como shows e encontros empresariais, o São Paulo já começou as obras para levantar a cobertura do estádio. Alguns setores da arquibancada estão sendo reformados. A ideia da diretoria é que, mesmo se o time não empolgar em campo, o Morumbi atraia uma renda mais ou menos fixa para o clube.

Fonte: Uol

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*