Com Holloway e Shamell, São Paulo apresenta seu time de basquete

O São Paulo apresentou nesta sexta-feira o seu elenco de basquete para a próxima temporada. O evento aconteceu no Morumbi, sede do tricolor. Para estrear no Novo Basquete Brasil, o clube investiu pesado e trouxe jogadores de renome no país. Chegaram Shamell, que é o maior cestinha da história do NBB; Georginho, revelação com passagem pela NBA; Desmond Holloway, que já foi MVP do torneio no passado; e Jefferson, um dos melhores gatilhos brasileiros. Além deles, completam o grupo nomes importantes como os alas Jones e Danilo, o armador Igor, o armador Cassiano, os pivôs Renan Lenz, Mamedes e Douglas Kurtz.

Além do NBB, o São Paulo vai jogar também o Campeonato Paulista. A estreia será no Campeonato no próximo dia 31, contra o Basquete Osasco, fora de casa. No dia 3 de agosto, novo compromisso fora, diante do Mogi. A primeira partida no Ginásio Antonio Leme Nunes Galvão acontece no dia 9 de agosto, contra o Pinheiros, às 20 horas.

– Montamos um elenco de muita qualidade individual e o desafio agora é desenvolver a parte coletiva, mas conseguimos mesclar talentos consagrados com jovens de enorme potencial e estamos trabalhando há algum tempo juntos. O Campeonato Paulista e o NBB serão extremamente difíceis, mas tenho confiança de que entraremos em condições de brigar pelas duas conquistas. Ainda estamos no começo, sabemos que o entrosamento só vem com o tempo, mas é um grupo extremamente profissional e comprometido – disse o técnico Cláudio Mortari.

O presidente Leco disse que o São Paulo tem que ser forte em todos os esportes. Ele tem consciência de que as pessoas que viraram são-paulinas, o fizeram por causa do futebol. Mas o nome do clube é muito grande para ficar restrito a isso. Por isso expandiu e montou times em condição de brigar por título, não só para participar dos campeonatos.

O São Paulo já ensaiava uma volta ao basquete nos últimos anos. A equipe jogou na última temporada a Liga Ouro, onde foi vice-campeã. E se estruturou para jogar o NBB comprando a franquia do Joinville. O time chega com um orçamento anual próximo dos R$ 5 milhões, e promete brigar pelas primeiras posições contra Flamengo, Franca, Paulistano, Pinheiros, Botafogo, Corinthians e o renovado Minas.

6 comentários em “Com Holloway e Shamell, São Paulo apresenta seu time de basquete

  1. Acredito que os tempos estão mudando, temos mta audiência em um esporte apenas e o Spfc deve ter o pensamento mais aberto para outras modalidades também. Apoio esta decisão, sou fã de basketball e se o Brasil quer aparecer mais no quadro olímpico deve começar por campeonatos domésticos fortes. Paulo Pontes, Sabe onde será o ginásio do spfc?
    ps. Elenco forte!

  2. leku & cia,
    nao conseguem manter o time de futebol, nos padroes de suas tradicoes,
    e querem patrocinar outros esportes fora do contexto.
    Ahhh, tao de sakanagem, tao buscando onde meter mais a mao.
    Cuidem do futebol, seus otarios,
    ou formem um time de curling, e outro de patinacao no gelo, TAMBEM,
    seus panakas.

  3. Talvez seja melhor encerrar o futebol do São Paulo mesmo, e virar um clube de esportes amadores/olímpicos, tendo em vista o Presidente/Diretor de futebol que temos.

    • Dois dos maiores orgulhos dos verdadeiros são paulinos são as medalhas de ouro olímpicas que Adhemar Ferreira da Silva conquistou para o clube. Tanto que elas fazem parte do distintivo do Tricolor. Triste que o torcedor atual menospreze qualquer modalidade que não seja o futebol e, com isso, a própria história gloriosa do São Paulo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.