Com ‘decisão’ no Horto, Wesley não se preocupa com jejum fora de casa

Na quarta-feira (18), às 21h40 (de Brasília), o São Paulo terá que enfrentar a pressão do estádio Independência contra o Atlético-MG para avançar à semifinal da Copa Libertadores. Com a decisão longe do Morumbi, a torcida tricolor teme pela classificação do time de Edgardo Bauza justamente pelo retrospecto do time.

O Tricolor não consegue vencer uma partida fora de casa há 13 jogos – desde o dia seis de dezembro do ano passado, quando ainda era comandado pelo interino Milton Cruz. O retrospecto de cinco derrotas e oito empates desde então pode até preocupar a torcida, mas não é visto com apreensão pelo volante Wesley.

“Sinceramente não (preocupa esse jejum fora de casa). Tem esse histórico, mas não podemos colocar isso na nossa direção. Sabemos da nossa dificuldade, mas está todo mundo com vontade de fazer a aplicação tática que o professor vai passar. Para fazermos nosso papel sem ficar pensando nessas coisas. Tem muitas coisas em pauta que é passado, mas a gente sempre procura pensar na frente”, disse o jogador.

Apesar de se mostrar seguro com a atuação do São Paulo no Independência, Wesley espera que o Tricolor consiga uma vantagem como mandante, na quarta-feira (dia 11), e fez questão de ressaltar as qualidades da equipe do Atlético-MG. Pelas oitavas de final, o Galo empatou sem gols no jogo de ida contra o Racing, na Argentina, e venceu por 2 a 1 em casa, atuando no Horto.

“O Independência é onde eles se sentem bem, tem uma pressão, um histórico positivo. É um time de qualidade, força. Isso não é novidade para ninguém, é o que a gente viu nos últimos anos. Vamos ter o apoio em casa para fazer um ótimo placar e depois definir na casa deles. Vamos com bastante garra, humildade na aplicação tática para fazer um jogo bom e subir mais um degrau. A equipe vai estar madura para saber suportar essa pressão e passar.”

“Morumbi tem toda uma história, a nossa torcida é grande, pesada. E vamos procurar impor nosso ritmo. Não comparando um jogo com o outro, mas precisamos ser agressivos se quisermos seguir na competição. Tenha certeza que vamos lutar muito para seguir na competição”, finalizou.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

2 comentários em “Com ‘decisão’ no Horto, Wesley não se preocupa com jejum fora de casa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.