Com currículo invejável no Morumbi, Ceni enaltece torcida tricolor

Capitão e líder da equipe, o goleiro Rogério Ceni conhece como poucos o ‘instinto’ da Libertadores da América. Bicampeão da competição continental, em 1993 e 2005, o M1TO ainda traz no currículo um retrospecto invejável: apenas três derrotas em 76 jogos internacionais no Morumbi.

Ao todo, o camisa 01 acumula 55 vitórias, 18 empates e três derrotas. O último revés do arqueiro diante de sua torcida, foi em 2006 para o Internacional, na semifinal da Libertadores. De lá para cá, Ceni detém 29 partidas de invencibilidade. No entanto, apesar dos bons números, o jogador quer a equipe totalmente focada no duelo contra o Atlético-MG, na próxima quinta-feira, às 20h15.

“Cada jogo é uma história. O São Paulo tem que ter alma e coração durante o jogo, porque a equipe do Atlético tem bons jogadores tecnicamente. Por isso, o mais importante é ter dedicação pois o resultado final é consequência do jogo. O time tem que fazer por merecer essa conquista”, disse Rogério Ceni, que nos dois últimos jogos da equipe no torneio, balançou as redes duas vezes (contra The Strongest-BOL e Atlético-MG).

De acordo com o M1TO, a força que virá das arquibancadas com mais de 64 mil torcedores empurrando a equipe, poderá ser o diferencial do Tricolor para o confronto válido pelas oitavas de final da competição.

“Em noite de Libertadores, principalmente em fase eliminatória, são eles que podem fazer a diferença. A presença e vibração do torcedor poderá nos levar ao resultado positivo. Sabemos da qualidade do Atlético, mas também conhecemos a importância da nossa torcida”, avaliou Ceni.

Fonte: Site Oficial

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*