Codição do Morumbi após shows não preocupa o São Paulo

O segundo e último show do cantor norte-americano Bruno Mars no Morumbi, encerrado na madrugada desta sexta-feira (24), não atrapalhará os planos do São Paulo para o jogo de despedida desta temporada. No próximo domingo, o Tricolor encara o Bahia pela última rodada do Brasileirão e o campo estará em perfeitas condições para a prática do futebol. Isto porque, a nova grama que será recolocada foi plantada há um ano em uma fazenda em Taubaté, no interior do estado.

Terminada a maratona de shows na casa são-paulina (Villa Mix festival, no dia 7 de outubro; banda U2, nos dias 19, 21, 22 e 25 de outubro; Bruno Mars nos dias 22 e 23 de novembro), os organizadores dos eventos terão dois dias para desmontarem as instalações e entregarem o estádio de volta ao São Paulo. Com sua casa liberada, o Tricolor colocará a nova grama no campo nos próximos dias, provavelmente neste domingo e na próxima segunda.

– Não teremos problemas com o gramado. A nova grama foi plantada há um ano e está exatamente da forma como deveria estar para poder receber um jogo profissional do São Paulo. Havíamos nos preparado com antecedência e essa mudança já estava prevista pelo clube, explica Rafael Palma, diretor do estádio do Morumbi.

Já a grama anterior, tirada para instalação dos palcos e das demais estruturas necessárias para a realização dos shows internacionais, foi enviada para o CT Laudo Natel, em Cotia. De acordo com Palma, o gramado antigo será utilizado nas laterais – local onde há grande desgaste – de alguns dos campos do centro de treinamento da base tricolor.

Importância do Morumbi 

Desde o aluguel do estádio para os seguidos eventos, o São Paulo passou a jogar no Pacaembu (três vitórias, dois empates e 73% de aproveitamento dos pontos disputados). Apesar de o time ter ido muito bem jogando por lá, a saudade de casa é grande.

Para o jogo contra o Bahia, o último do ano para o clube, o departamento de marketing programa algumas ações com o torcedores, que conseguiram registrar a maior média de público do Campeonato Paulista (33.246 pagantes por jogo) e a segunda melhor do Brasileirão até aqui (33.824 torcedores), atrás apenas do campeão Corinthians, com 39.672.

 

Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*