Centurión faz último treino antes de ser liberado para fechar com o Boca

Enfim, a novela sobre a transferência de Ricardo Centurión deve chegar ao fim nesta quarta-feira. O atacante participou normalmente do treinamento pela manhã, no CT da Barra Funda, já ciente de que esta seria sua despedida dos companheiros de São Paulo. O clube do Morumbi se acertou com o Boca Juniors e a liberação do atleta será consumada no período da tarde. A tendência é que o argentino já viaje à Buenos Aires ainda nesta quarta para assinar o contrato de empréstimo de um ano com os xeneizes.

As partes ainda não confirmam os valores envolvidos, mas as tratativas se encaminham para um pagamento de 400 mil dólares (aproximadamente R$ 1,2 milhão) pelo empréstimo, com valor de compra fixado em 6,4 milhões de dólares (cerca de R$ 20 milhões). Centurión tem contrato com o São Paulo até dezembro de 2019 e custou pouco mais e R$ 13 milhões ano passado.

Depois de ser titular no empate com a Chapecoense, há três rodadas no Campeonato Brasileiro, Centuríon avisou que não jogaria mais pelo São Paulo e forçou sua saída. A diretoria tricolor, no entanto, emperrou o negócio quando decidiu que não arcaria com nenhuma parte do salário do atleta durante o período de empréstimo. Centurión ficou irritado e chegou a cobrar que o clube cumprisse com a palavra dada anteriormente. A jogada por pouco não melou a transferência, mas, segundo apurou a Gazeta Esportiva, este problema já foi resolvido.

Alguns jornalistas argentinos compareceram à atividade desta quarta no CT para acompanhar o desfecho da negociação. Enquanto seu futuro não era definido, Centurión sequer foi relacionado para as partidas contra Atlético-MG e Santa Cruz. Agora, é apenas questão de tempo para que o jogador volte ao seu país natal, e para defender a equipe de coração, ao lado de seu ídolo, Carlitos Tevez.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*