Celso Roth confirma Borges, espera Montillo e cogita escalar Mayke

Três grandes notícias puderam ser comemoradas pela torcida do Cruzeiro após a coletiva do técnico Celso Roth, nesta sexta-feira, na Toca da Raposa II. O treinador informou que Borges está à disposição para a partida contra o São Paulo. Montillo tem grandes chances de também estar presente, apesar de o técnico ser mais cauteloso quanto ao argentino. E Mayke, lateral-direito promovido das categorias de base, pode ganhar uma chance.

Tanto Borges quanto Montillo treinaram no time reserva no coletivo desta sexta, mas Roth explicou que tudo é uma questão de precaução, pois os dois estão vindo de contusão. Mayke entrou durante a atividade, substituindo o zagueiro Léo, que jogava improvisado na posição.

– Felizmente, o Montillo treinou. O colocamos na equipe reserva por precaução. Queríamos ver como ele participava. A princípio, ele caminha para o jogo. Quanto ao Borges a situação é diferente. Ele é um jogador que ficou na semana, fez o trabalho todo e teve tempo para treinar. Felizmente, está à disposição. Vamos ver se vamos iniciar com o Borges ou se ele entra no decorrer do jogo – explicou.

Roth descartou a possibilidade de utilizar o atacante Martinuccio já neste domngo, no Morumbi, mas garantiu que ele se torna uma opção a partir da semana que vem, quando o Cruzeiro recebe o Internacional.

– Hoje, foi o terceiro treino do Martinuccio. É um jogador que vai nos dar uma alternativa técnica do lado esquerdo, mas também pode ser do lado contrário, porque é canhoto e sabe fazer esse trabalho. Não vamos contar com o Martinuccio neste fim de semana, porque seria um pouco apressado. Se tudo ocorrer bem, vamos utilizá-lo a partir da próxima semana – disse.

Mayke, de apenas 19 anos, teve sua primeira chance de treinar como titular nesta sexta e foi elogiado.

– O Mayke treinou muito bem e não está descartado ele iniciar o jogo de domingo não. Quando eles chegaram aqui (Mayke e Vinícius Freitas, laterais promovidos há duas semanas do júnior), começamos a jogar no meio e fim de semana e eles não tiveram chances de trabalhar. Afinal de contas, estamos nos encaminhando para o fim do ano – salientou.
Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*