Brenner celebra oportunidade e recebe elogios de Aguirre

Se para muitos são-paulinos o clássico deste sábado, contra o Corinthians, é para se esquecer, para Brenner, por outro lado, não é bem assim. O garoto de 18 anos de idade voltou a atuar pelo profissional, depois de mais de três meses sem jogar partidas oficiais, e, de quebra, foi o responsável pelo gol de empate do Tricolor em Itaquera, cujo placar marcava 1 a 1 após o apito final. Na zona mista, o jovem comentou o fato, reiterando que a oportunidade dada pelo técnico Diego Aguirre é fruto de muito trabalho nos treinos.

“Sou muito grato pela oportunidade, por tudo o que o São Paulo faz por mim. Trabalho bastante, fiz isso nos treinos da semana e recebi a chance de jogar o clássico. Acredito que seja o reconhecimento do meu esforço no dia a dia”, apontou. “Independentemente se eu estou jogando ou não, continuo trabalhando para quando entrar ter êxito de fazer gol, ajudar correndo. Infelizmente a vitória não veio, mas o nosso time deu o máximo e se entregou bastante”, completou.

O atacante foi assunto na entrevista coletiva de Aguirre, que tratou de elogiá-lo pela entrega cotidiana. O treinador uruguaio colocou o camisa 30, que começou no banco, logo aos 25 minutos do primeiro tempo do Majestoso. A substituição aconteceu em função da lesão Gonzalo Carneiro, que não conseguiu permanecer em campo.

“Foi importante para o menino fazer o gol. Ele está trabalhando bem. Merecia uma oportunidade. Quando machucou o Carneiro, optei por manter o mesmo sistema de jogo, com dois atacantes. Essa foi a ideia dessa mudança”, disse o treinador, na coletiva de imprensa pós-jogo.

Sobre o clássico em si, Brenner lamentou sobre o fato de o São Paulo não ter conseguido um resultado melhor, mesmo com um a mais em campo durante todo o segundo tempo. Segundo ele, o time se dedicou, mas o Corinthians tem mérito por ter resistido.

“A gente sai chateado em todos os jogos em que não saímos com o resultado positivo, principalmente no clássico. Tínhamos grandes chances de ganhar. Infelizmente não conseguimos. É erguer a cabeça que o próximo jogo é importantíssimo”, lamentou. “O Corinthians teve o mérito dele. Eles correram, se empenharam, o Ralf acertou um belo chute, mas nosso time teve mérito também. Não conseguimos a vitória, mas trabalhamos e lutamos até o final”, completou.

Fica a expectativa de que o atacante volte a receber chances até o final deste Campeonato Brasileiro. Mesmo não se preocupando com a falta de sequência no plantel de Aguirre, Brenner provavelmente estará à disposição para o duelo contra o Grêmio, nesta quinta-feira, no Morumbi, pela 34ª rodada do Brasileirão 2018. É confronto direto por uma vaga na Libertadores do ano que vem.

“É normal (não ter sequência), uma fase que todo jovem tem. Tenho apenas 18 anos, faço parte de uma grande equipe, com grandes jogadores e quem entrar tem de dar o seu melhor”, finalizou.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

3 comentários em “Brenner celebra oportunidade e recebe elogios de Aguirre

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*