Bauza relembra estreia do São Paulo e cutuca: “Pouquíssimos imaginavam”

Edgardo Bauza finalmente consolidou seu trabalho no São Paulo. Esta é a avaliação do próprio treinador, que colocou a equipe “entre as quatro melhores equipes da América” neste ano. Na visão do comandante, o diferencial para eliminar o Atlético-MG e chegar às semifinais da Taça Libertadores da América foi a ordem que o Tricolor demonstrou em campo.

– O mais importante foi a ordem que a equipe conseguiu manter. Começamos muito mal, sabíamos que o Atlético iria pressionar com muita intensidade, tomamos os dois gols. A equipe demorou 15 minutos para se encontrar em campo. O Atlético nos obrigou a marcar com todo mundo. Mas a ordem em campo foi fundamental – disse Bauza.

edgardo bauza técnico são paulo (Foto: Rubens Chiri/saopaulofc.net)Edgardo Bauza relembrou a estreia do São Paulo na Libertadores (Foto: Rubens Chiri/saopaulofc.net)

Com a classificação desta quarta, mesmo com a derrota por 2 a 1 em Belo Horizonte, o comandante relembrou o início de trabalho. A campanha na fase de grupos da Libertadores começou com uma derrota em casa para o The Strongest, mas, segundo o técnico, o atual São Paulo nada tem a ver com aquele.

– Essa equipe não tem nada a ver com a equipe que perdeu para o The Strongest. São quatro meses de muito trabalho, muita dedicação, e um desejo dos atletas de chegarmos aqui. Tivemos um começo que não foi bom, mas, ao longo das semanas, os jogadores foram interpretando minhas ideias. Hoje estou convencido do que estamos fazendo. Vamos jogar semifinal de Libertadores, é muito difícil chegar. É mérito de nosso trabalho e dos atletas – ressaltou.

O treinador disse que ainda não dá para analisar a partida logo após o apito final. Bauza quer rever o duelo com calma. Assim, prefere destacar uma melhora nítida: a bola parada, que colocou o São Paulo nas semifinais.

– Na Libertadores é importante fazer gols como visitante, é uma arma muito importante. Quando cheguei para trabalhar no São Paulo, um dos problemas era a bola parada. A favor e contra, era grave. Hoje é uma arma importantíssima para nós. Não sofremos tantos gols, e fizemos muitos. Isso é fruto do trabalho – disse.

Ciente de que pode ser criticado pela postura defensiva do São Paulo fora de casa, Edgardo Bauza prefere analisar os resultados.

– Em quatro meses, a equipe foi crescendo. Hoje defende melhor do que quando começamos. Eu quero uma equipe efetiva, que ataque e defenda quando precisar. Estamos bem, estou contente. Estamos entre os quatro melhores da América, e são pouquíssimos que imaginavam isso – completou o comandante.

 

Fonte: globo esporte

Um comentário em “Bauza relembra estreia do São Paulo e cutuca: “Pouquíssimos imaginavam”

  1. Dá-lhes Bauza; inclusive em mim que não acreditava que pudesse classificar para os mata-matas. Agora: ôh cara de sorte! Vamos com ele que vamos chegar….

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.